AtlasIntel / A Tarde: Neto e Jerônimo aparecem empatados em nova pesquisa

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

A nova rodada da pesquisa AtlasIntel, contratada pelo jornal A Tarde e divulgada nesta quinta-feira (15), mostra empate entre os candidatos ao Governo da Bahia ACM Neto (União) e Jerônimo Rodrigues (PT).

 

De acordo com o levantamento, Neto recuperou os 4,1 pontos perdidos desde julho e surge novamente na liderança com 40,8%, 1,1 ponto acima das intenções registradas na primeira pesquisa. Já o petista que na pesquisa anterior tinha 38% avançou para 40,3%. A diferença entre os dois é de meio ponto percentual. João Roma (PL) mantém a terceira colocação, mas apresentou queda nas intenções de voto de 14,7% para 12,3%.

 

Na simulação do segundo turno. Neto aparece com 47,5% contra 42,9% de Jerônimo, uma vantagem 0,6 ponto acima da margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

 

A corrida para o Senado, Otto Alencar (PSD) candidato à reeleição na chapa liderada por Jerônimo, aparece com 50% das intenções de voto, mais de três vezes o percentual da segunda colocada, Raissa Soares (PL), candidata bolsonarista, que ostenta 14,6% da preferência dos eleitores. Cacá Leão (PP), candidato de ACM Neto, aparece com 11,9%.

 

A pesquisa também ouviu a preferência dos eleitores baianos para a Presidência da República. Neste cenário, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lidera com mais do dobro dos votos do principal concorrente, o presidente Jair Bolsonaro (PL). No levantamento, o petista aparece com 63,3% e Bolsonaro com 25,4%

 

A pesquisa ouviu 1.600 pessoas no período de 10 a 14 de setembro, com coleta de dados via recrutamento digital aleatório. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BA-02878/2022.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Estados do Sul e Sudeste assinam pacto contra o crime organizado

Estados do Sul e do Sudeste firmaram no sábado, dia 2, um Pacto Regional de Segurança Pública para enfrentar o crime organizado. Um gabinete integrado de inteligência será criado para compartilhar informações e os policiais farão cursos conjuntos para aumentar a integração entre as forças de segurança e padronizar procedimentos e técnicas. O pacto propõe

Ministros do STF veem ilegalidade em anistia a Bolsonaro e preveem derrubada de medida

MATHEUS TEIXEIRABRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) afirmam nos bastidores que não há chance de uma possível anistia a Jair Bolsonaro (PL) ou a condenados por participação nos ataques de 8 de janeiro ter validade e ser implementada para livrar o ex-presidente e seus aliados de eventual julgamento na corte.

Barbeiro de 20 anos é condenado a 11 anos e seis meses de prisão por participar do 8 de Janeiro

O Supremo Tribunal Federal (STF) condenou nesta sexta-feira, 1º, o barbeiro piauiense João Oliveira Antunes Neto a 11 anos e seis meses de prisão por participação nos atos golpistas de 8 de Janeiro. Antunes Neto tem 20 anos, e além de barbeiro, se identifica como um "jovem cristão pregador do evangelho de Jesus Cristo". O