Elon Musk teria feito as ‘pazes’ com o CEO da Apple

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

O dono do Twitter, Elon Musk compartilhou dois ‘tweets’ onde informa que se encontrou com o CEO da Apple, Tim Cook, na sede da empresa, num encontro onde os dois empresários tiveram a oportunidade de fazer as ‘pazes’ e esclarecer algumas questões relacionadas com a rede social.

Lembrando que Musk afirmou recentemente que a Apple havia ameaçado banir o Twitter da App Store, o que criou uma situação tensa entre as duas empresas. Todavia, Musk adianta na respectiva página que teve uma “boa conversa” com Tim Cook na “bela sede da Apple”.

“Entre outras coisas, esclarecemos o mal-entendido sobre o Twitter ser potencialmente removido da App Store. O Tim [Cook] foi claro que a Apple nunca considerou fazê-lo”, escreveu Musk.

 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Missão Hubble celebra 34 anos com nova fotografia de galáxia

Em 24 de abril de 1990, o Telescópio Espacial Hubble foi lançado, dando início a uma missão que já dura 34 anos. Para celebrar o aniversário de hoje, os pesquisadores responsáveis pelo Hubble decidiram divulgar uma nova imagem da galáxia conhecida como Messier 76, situada a aproximadamente 3.400 anos-luz de distância da Terra. Os cientistas

Senado dos EUA aprova projeto que pode proibir TikTok no país

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Senado dos Estados Unidos aprovou nesta terça-feira (23) um projeto de lei que pode proibir o TikTok no país se a ByteDance, empresa chinesa que controla o aplicativo, não passar o comando da plataforma a um proprietário americano. A medida foi aprovada como parte de um pacote mais amplo

AGU diz ao STF que há indícios de crime no ‘Twitter Files’

A Advocacia-Geral da União (AGU) enviou nesta terça-feira, 23, ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma "notícia de fato" com informações que apontam uma "provável ocorrência de crime contra o Estado Democrático de Direito" na divulgação de informações sigilosas pelo jornalista americano Michael Shellenberger em seu perfil no X - os chamados "Twitter Files". A AGU