Putin acusa Otan de participar da guerra na Ucrânia ao fornecer armas

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Presidente russo afirma que países da Organização do Tratado do Atlântico Norte enviaram ‘dezenas de bilhões de dólares’ em armamento, o que configura atuação indireta nos conflitos

EFE/EPA/PAVEL BEDNYAKOVSPUTNIK/KREMLIN POOL

Vladimir Putin

Putin afirma que países atuam de forma indireta ao fornecerem armas

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, acusou os países membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) de participação no conflito na Ucrânia por meio do fornecimento de armas a Kiev. “Estão enviando dezenas de bilhões de dólares em armas à Ucrânia. Isto é realmente participação. (…) Significa que estão participando, embora de forma indireta, nos crimes executados pelo regime de Kiev”, afirmou Putin em uma entrevista ao canal Rossiya-1 exibida neste domingo, 26. O russo insiste que o Ocidente deseja destruir Moscou e que as cerca de 30 nações “têm apenas um objetivo: separar a ex-União Soviética e sua parte principal, a Federação Russa”. Vladimir Putin concedeu a entrevista durante evento patriótico organizado na quinta-feira, 23, véspera do aniversário de um ano do início da ofensiva militar russa contra a Ucrânia. Na entrevista, o presidente russo também reiterou seu apelo por um mundo multipolar e afirmou que não tem dúvida de que isto vai acontecer. “Agora que as tentativas (dos Estados Unidos) de reconfigurar o mundo à sua própria semelhança – após a queda da União Soviética – levaram a esta situação, somos obrigados a reagir”, concluiu.

*Com Agence France-Presse

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Pais são acusados de agredir gêmeas de cinco semanas até à morte

O casal Angelina Belinda Calderon e Fernando Vega, ambos com 21 anos, chocou a comunidade de Houston, no Texas, ao ser acusado de agredir fatalmente suas duas filhas gêmeas de apenas cinco semanas de idade. O trágico acontecimento deixou  todos consternados. Após a morte das crianças, o casal criou uma página de arrecadação de fundos

Homem corre a maratona de Londres e para 25 vezes para beber vinho

Um enólogo participou da maratona de Londres, no Reino Unido, com um objetivo solidário peculiar. No entanto, quem o observasse parando constantemente durante a prova poderia questionar sua sanidade mental. Tom Gilbey decidiu fazer pausas para beber um copo de vinho durante a corrida, em um desafio para testar sua habilidade em identificar a bebida.

Biden assina lei que pode proibir TikTok nos EUA

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, assinou um projeto de lei nesta quarta-feira (24) que proíbe o TikTok no país, a menos que a empresa proprietária ByteDance se desfaça do aplicativo em nove meses. A medida foi aprovada pelo Congresso na terça-feira (23) e faz parte de um pacote de ajuda de US$ 95