Inteligência artificial auxilia no cuidado com crianças e idosos em casa

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos
Os avanços na inteligência artificial têm possibilitado a substituição de atividades repetitivas e cansativas no cuidado com crianças e idosos. A Casa Alexa, uma iniciativa da Amazon, apresenta como esses dispositivos podem ser úteis na rotina diária das famílias. Localizada na zona sul de São Paulo, a Casa Alexa conta com mais de 100 dispositivos inteligentes integrados em diversos ambientes, como quartos, salas de estar e jantar, home theater, escritório, jardim, cozinha e área de piscina.
Essa experiência, já desenvolvida nos Estados Unidos, visa mostrar como a inteligência artificial pode ser uma aliada no dia a dia de crianças, idosos, pessoas com deficiências físicas ou mentais e neuroatípicos. A casa, equipada com lâmpadas, plugues de tomada, interruptores, câmeras, eletrodomésticos, TVs, fechaduras, cortinas e pergolado, oferece soluções acessíveis para melhorar a qualidade de vida de seus moradores.
Entre os exemplos de aplicação da tecnologia estão fechaduras que podem ser abertas com comandos de voz, cafeteiras acionadas automaticamente ou programadas para funcionar no horário do café da manhã, e a possibilidade de controlar luzes, TVs e outros aparelhos por meio da assistente virtual Alexa. Além do conforto proporcionado por recursos como persianas que abrem e fecham com comandos de voz e salas que se transformam em cinemas, a Casa Alexa também apresenta espaços pensados para o desenvolvimento de crianças e adolescentes.
 
Leia também: Influencers mostram rotina como cuidadores de avós com Alzheimer 
No banheiro, a Alexa ensina as crianças a escovarem os dentes corretamente, orientando os movimentos e a duração da escovação. No quarto de adolescentes, um suporte em formato de robô, que abriga a Alexa, pode tocar músicas, auxiliar em pesquisas escolares e buscar vídeos para ajudar nas lições de casa. No quarto das crianças, um dispositivo com tela conta histórias infantis, que podem ser clássicas ou modernas, de acordo com a preferência do usuário, além de proporcionar entretenimento e atividades educativas.
Embora a implantação de uma casa inteligente possa ser cara, os custos têm se tornado mais acessíveis ao longo dos anos. Com investimentos a partir de R$ 400, é possível adquirir um dispositivo de inteligência artificial e uma lâmpada controlada por comandos de voz. Para tornar eletrodomésticos comuns em inteligentes, basta utilizar tomadas inteligentes, com preços entre R$ 80 e R$ 100. 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Produtora de ‘Baldur’s Gate’ já trabalha em dois novos jogos

A Larian Studios, desenvolvedora de Baldur's Gate III, voltou a afirmar que não estará envolvida no futuro da série Baldur's Gate. Em uma atualização recente na página da Steam do estúdio, a Larian deixou claro que não haverá novas histórias, personagens ou expansões para Baldur's Gate III, e que também não haverá um Baldur's Gate

WhatsApp vai te ajudar a organizar seus contatos favoritos

O WhatsApp está desenvolvendo uma nova funcionalidade para sua plataforma de mensagens, que permitirá aos usuários adicionar e organizar melhor os contatos das pessoas mais importantes em suas vidas. Conforme revelado pelo site WABetaInfo, o WhatsApp está trabalhando em um novo separador na seção de Configurações, chamado "Favoritos". Com essa nova aba, os usuários não

Nova atualização da Nothing chega com integração do ChatGPT

A Nothing lançou oficialmente uma nova atualização para o seu mais recente aparelho celular - o Nothing Phone (2), que chegou oficialmente às lojas em julho de 2023. O dispositivo, que foi lançado com o Android 13 pré-instalado, já recebeu o Android 14 e tem agora direito à mais recente versão (a NothingOS 2.5.5). A