Polícia prende suspeito de matar mulher trans estrangulada e amarrá-la em cama no DF

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Policiais Civis da 30ª Delegacia de Polícia (São Sebastião) prenderam um suspeito de matar uma mulher transexual, identificada como “Lu”, em junho de 2022, no Distrito Federal.

Segundo as apurações, o assassino, de 40 anos, mantinha um relacionamento com a vítima à época do crime e teria se aproveitado da intimidade para estrangulá-la e, em seguida, roubar o veículo da mullher, um Honda HRV e outros objetos de sua residência.

A vítima, de 53 anos, foi encontrada dois dias depois do crime, após amigas sentirem sua falta. O corpo foi localizado na Rua 49 da Vila Nova, em São Sebastião. A porta da casa da mulher estava destrancada, e a polícia a encontrou amarrada sobre a cama.

Segundo Ulysses Luz, delegado-chefe adjunto da 30ª DP, o crime bárbaro deixou perplexa a população da região pela crueldade contra a vítima, que era muito querida pela comunidade.

“Após quase um ano de investigação, os policiais conseguiram demonstrar que o preso agiu de forma dissimulada, chegando inclusive a tomar cerveja com a vítima em sua residência, asfixiando-a covardemente de forma que impossibilitou sua defesa”, disse o policial.

O suspeito teve a prisão preventiva por latrocínio (roubo seguido de morte) decretada pela Justiça de São Sebastião. Ele foi levado ao Complexo Penitenciário da Papuda e, se condenado, pode pegar até 30 anos de reclusão.

The post Polícia prende suspeito de matar mulher trans estrangulada e amarrá-la em cama no DF first appeared on Metrópoles.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Tiroteio é registrado em Valéria durante operação policial e ônibus deixam de circular no final de linha

A manhã começou tensa para os moradores do bairro de Valéria, em Salvador, nesta segunda-feira (4). Isso porque uma troca de tiros foi registrada e assustou a população. Com isso, os ônibus não estão entrando no final de linha do bairro após decisão dos rodoviários.   De acordo com as informações, uma operação integrada entre

Quem é o brasileiro suspeito de planejar ataques a judeus no DF

Goiânia – Investigações conduzidas pela Polícia Federal (PF) descobriram que o grupo terrorista libanês Hezbollah recrutou brasileiros para ataques contra a comunidade judaica no Distrito Federal. Lucas Passos Lima é suspeito de participar desse planejamento. De acordo com a PF, os ataques foram evitados pela corporação após alertas enviados pelos Estados Unidos. Lucas acabou preso pela PF, em novembro do

Governo apresenta PL que regulamenta apps de transporte nesta 2ª (4/2)

O governo federal apresentará ao Congresso Nacional, nesta segunda-feira (4/3), o projeto de lei (PL) que regulamenta o trabalho por aplicativos de transporte, feito por empresas como a Uber. O texto, proposto pelo Ministério do Trabalho, foi fechado em acordo com representantes das empresas que operam aplicativos de transporte de passageiros, além de sindicatos e