Três pessoas sequestradas em Senhor do Bonfim são libertadas em Morro do Chapéu

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Três pessoas que foram sequestradas em Senhor do Bonfim, no Piemonte Norte do Itapicuru, foram libertadas na madrugada deste sábado (10) já em Morro do Chapéu, na Chapada Diamantina, para onde tinham sido levadas. As vítimas, ligadas a empresas de farmácia em Senhor do Bonfim, estavam em poder dos assaltantes desde a manhã desta sexta-feira (9).

 

Foto: Divulgação / SSP-BA

 

Segundo a Secretaria da Segurança Pública do Estado (SSP-BA), elas foram resgatadas em um imóvel, na zona rural de Morro do Chapéu, e levadas para um hospital. Em seguida, seguiram para Senhor do Bonfim com uma equipe do 7º Batalhão de Polícia Militar (BPM/ Irecê). Ainda segundo a SSP-BA, um bloqueio foi feito nas estradas da região por equipes do 6? e do 7º BPMs e da 24ª CIPM e Batalhão de Polícia Rodoviária.

 

Foto: Divulgação / SSP-BA

 

Dois suspeitos, que efetuaram disparos, acabaram feridos no confronto com os militares e morreram. Os outros comparsas furaram o bloqueio e se deslocaram para Morro do Chapéu, com as vítimas. Durante uma pane, os sequestrados fugiram para uma residência. Um homem, de 33 anos, que participou do crime foi localizado e preso.

 

Segundo o comandante do 7? BPM, tenente-coronel Júlio César Ferreira, o homem já tinha sido capturado com grande quantidade de cocaína no ano passado. Além da libertação das vítimas, os militares recuperaram um veículo e joias das vítimas. 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

GDF propõe reajuste de 18% a policiais penais, mas impõe condição

A negociação entre o Governo do Distrito Federal (GDF) e os policiais penais avançou nesta semana. Após a categoria ameaçar suspender o serviço voluntário, o GDF se dispôs a dar reajuste salarial à categoria. A proposta do GDF é de conceder 18% de aumento de uma só vez, percentual que seria aplicado a partir de

PF investiga membro do “Conselhão” de Lula por fraude milionária

A Polícia Federal (PF) investiga um empresário que integra o Conselho de Desenvolvimento Econômico Social Sustentável (CDESS), conhecido como o “Conselhão” de Lula, por fraude milionária ao sistema financeiro. O inquérito aberto pela Delegacia de Repressão à Corrupção e Crimes Financeiros (Delecor), em julho de 2023, apura irregularidades em uma série de manobras fiscais da

MPF abre inquérito civil para investigar compra de ar-condicionado para escolas municipais de Lauro de Freitas

O Ministério Público Federal (MPF) abriu um inquérito civil para investigar a Prefeitura de Lauro de Freitas por conta de três contratos firmados com empresas do setor privado para a aquisição e instalação de aparelhos de ar-condicionado em escolas da rede pública municipal.   Com dois aditivos, os valores somam cerca de R$ 16,6 milhões.