TAGS

Empresa é autorizada pela prefeitura de Salvador a realizar estudos para hotel no Abrigo Dom Pedro II

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

A capital baiana pode receber mais um equipamento hoteleiro em breve. Uma empresa foi autorizada a iniciar os estudos para a implantação de um hotel no antigo Abrigo Dom Pedro II, localizado na praia da Boa Viagem. A informação consta no Diário Oficial de Salvador da última sexta-feira (7). 

 

A manifestação de interesse da iniciativa privada foi autorizada pela secretaria de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec), de forma exclusiva, a BM Varejo Empreendimentos S.A. A empresa também deve estudar a realocação da estrutura administrativa e estacionamento que, atualmente, é utilizado pelas Obras Sociais Irmã Dulce. O prazo para a conclusão é de quatro meses. 

 

Em 2018, a sede do Abrigo Dom Pedro II foi transferida da Avenida Luiz Tarquínio, local do imóvel alvo do estudo, e funciona atualmente na Rua Juiz Orlando de Melo, 319, em Piatã. O remanejamento ocorreu após audiência pública realizada entre o Ministério Público da Bahia (MP-BA) e a Procuradoria Geral do Município. Devido às más condições estruturais, a antiga sede precisaria de diversas reformas em suas dependências. 

 

Para realizar os reparos necessários, a prefeitura deverá obter autorização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), já que o imóvel é tombado pelo órgão. A época de sua construção não é conhecida e acredita-se que seja da primeira metade do século 19 e que foi a residência de um embaixador português.

 

O Ipac apontou que, em 1859, o imóvel foi vendido por Antônio Gonçalves Gravatá ao Comendador Francisco Xavier Machado. Em 1877, foi adquirido pelo Governo da Bahia para a instalação do Asilo de Mendicidade, que, até então, funcionava na Quinta dos Lázaros. Nessa época foram realizadas reformas de adaptação e construção de novos pavilhões.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Prefeito de Feira de Santana diz que não confirma cancelamento da Micareta: “Só o tempo vai dizer”

O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, afirmou, nesta quinta-feira (22), que não podia confirmar o cancelamento da tradicional Micareta e que a festa está mantida até o momento, mesmo após o decreto de Situação de Emergência do município, publicado nesta quarta-feira (21). A declaração foi dada ao site Acorda Cidade, parceiro do Bahia

Cotado como possível candidato à OAB-BA, Vivaldo Amaral defende “líderes raízes” à frente da entidade

Em novembro a Ordem dos Advogados do Brasil Seção Bahia (OAB-BA) vai escolher a nova diretoria executiva e alguns nomes já começam a ser ventilados para assumir a presidência da entidade durante três anos. Entre os cotados está o advogado criminalista Vivaldo Amaral, já experiente na disputa.    Ao Bahia Notícias, Amaral confirmou que tem

Com placar de 6 a 5, STF encerra julgamento virtual sobre extensão de 102% de reajuste salarial a servidores da AL-BA, TCM e TCE

Retomado no dia 9 de fevereiro, o Supremo Tribunal Federal (STF) encerrou o julgamento virtual da arguição de descumprimento de preceito fundamental (ADPF) 362, que trata da extinção de processos em tramitação no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), fundados no Ofício 265/91, sobre a extensão do percentual de 102% de reajuste a servidores da