TAGS

Rui Costa nega ser contra lei que estabelece igualdade salarial entre gêneros

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

O ministro da Casa Civil e ex-governador da Bahia, Rui Costa, disse não ser contrário à lei que estabelece igualdade salarial entre homens e mulheres que desempenham a mesma função. A lei determina também punição às empresas e instituições que descumprirem a lei. 

 

O pronunciamento de Rui Costa aconteceu após o colunista Guilherme Amado, apontar que o chefe da Casa Civil estaria se opondo à inclusão da “obrigatoriedade” de salário equiparado entre os gêneros no texto da lei. 

 

Em nota enviada ao Bahia Notícias, nesta segunda-feira (10), a assessoria do ministro afirmou que Rui considera a lei “justa e fundamental para corrigir desigualdades”. 

 

“O ministro da Casa Civil, Rui Costa, afirma que não é verídica a informação de que ele apresentou resistência à lei que determina salários iguais entre homens e mulheres no desempenho da mesma função e pune empresas e instituições transgressoras”. 

 

“Rui Costa foi um dos articuladores para que um grupo de advogados fizesse contribuições ao texto que garante a igualdade salarial entre gêneros – uma pauta que ele considera justa e fundamental para corrigir desigualdades”, diz a nota da assessoria do ministro. 

 

A nota apontou ainda que o ministro também estava no local onde aconteceu a cerimônia de assinatura do Projeto e participou do momento que a lei foi sancionada. 

 

“No dia do evento em que a lei foi sancionada pelo presidente da República, o ministro também estava no local da cerimônia, Base Aérea de Brasília, resolvendo demandas em uma das salas, a pedido do presidente Lula. Além disso, a assessoria de imprensa do ministro não foi procurada em nenhum momento pelo jornalista autor da matéria. O ministro lamenta que a nota tenha sido publicada, sem que o veículo jornalístico tenha lhe procurado para saber o seu verdadeiro posicionamento deste assunto”, pontuou a nota. 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Senado aprova projeto que favorece réu em caso de empate nos tribunais superiores

O Senado aprovou projeto de lei, nesta quarta-feira (21), que favorece o réu quando houver empate em julgamentos em tribunais superiores e altera regras para expedição de habeas corpus de ofício. O PL 3453/2021, de relatoria do senador Weverton (PDT-MA), irá retornar para a Câmara dos Deputados.   O senador Weverton defendeu que o empate

Jovem morre após descarga elétrica quando fazia serviço em prédio de prefeitura na Bahia

Um homem morreu na manhã desta quinta-feira (22) vítima de um choque elétrico quando fazia um serviço na prefeitura de Araci, na região sisaleira. Segundo o Calila Notícias, parceiro do Bahia Notícias, a vítima, identificada como Getúlio Rios, estava no telhado da sede da prefeitura quando a peça de metal que ele estava tocou na

Eleição para vagas de desembargador titular e substituto do TRE-BA é marcada para próxima semana

O Pleno do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) vai escolher na próxima quarta-feira (28), às 8h30, dois novos nomes que irão compor o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) a partir deste ano.    Por eleição direta, com voto secreto, os desembargadores irão definir quem vai ficar no lugar do ex-presidente do TRE-BA, Roberto Maynard Frank