Boca Juniors pede para torcedores não praticarem racismo contra o Palmeiras

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos


enq20230928080

O Boca Juniors emitiu um comunicado alertando para que seus torcedores não pratiquem atos preconceituosos contra o Palmeiras, na partida marcada para esta quinta-feira, 5, no Allianz Parque, pela semifinal da Copa Libertadores da América – a bola rola a partir das 21h30 (de Brasília). “Não realizar, responder provocações ou praticar ator que podem ser classificados como racistas, xenófobos ou discriminatórias, a fim de evitar possíveis penas de prisão imediatas, assim como também causar sanções ou prejuízos graves à nossa instituição”, diz um trecho da nota. No confronto de ida, empatado em 0 a 0, em La Bombonera, alguns argentinos foram flagrados fazendo gestos racistas em direção aos palmeirenses. Vale lembrar que, na última edição do torneio, em 2022, um torcedor do Boca Juniors dormiu na prisão após imitar um macaco durante um jogo contra o Corinthians, na Neo Química Arena. 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Hulk renova contrato com Atlético-MG até 2026

O ídolo Hulk renovou seu contrato com o Atlético-MG até 2026, trazendo alívio aos torcedores. O atacante encerrou as especulações sobre uma possível transferência para a Europa ou Oriente Médio, garantindo sua permanência no clube. O anúncio da renovação foi feito nas redes sociais do Atlético-MG, destacando a trajetória de Hulk no time e seus

Fortaleza só deverá voltar a jogar após punição a ataque a ônibus

O time do Fortaleza só deverá voltar a jogar quando seus jogadores se recuperarem das lesões sofridas no ataque e quando os responsáveis pelo caso de violência forem punidos. A afirmação foi feita pelo CEO do clube cearense, Marcelo Paz, nesta quinta-feira, 22, horas após o ataque ao ônibus da equipe por torcedores do Sport.

Tiago Nunes é demitido do Botafogo após levar empate de time boliviano nos acréscimos

O Botafogo anunciou nesta quinta-feira a demissão do técnico Tiago Nunes, um dia após o empate por 1 a 1 contra o Aurora na fase preliminar da Copa Libertadores. A decisão veio após uma reunião da diretoria, que também oficializou a venda do atacante Victor Sá para o Krasnodar, da Rússia, o que gerou descontentamento