Condenado por morte de duas mulheres é executado nos EUA

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos


visto para os eua

Um homem condenado pelo assassinato de duas mulheres em 1996 foi executado nesta terça-feira, 3, mediante injeção letal, no Estado da Flórida. A informação foi confirmada pelos meios de comunicação dos Estados Unidos. Michael Zack, 54 anos, foi submetido à pena capital na Prisão Estadual da Flórida, em Raiford, informou o Pensacola News Journal. De acordo com o jornal, o coquetel de fármacos letais foi administrado no condenado às 18h02 locais (19h02 em Brasília) e ele foi declarado morto 12 minutos depois. Zack foi sentenciado à morte em 1997 pelo estupro, roubo e assassinato, em junho de 1996, de Ravonne Smith, uma mulher que conheceu em um bar. Também foi condenado pelo assassinato de outra mulher, Laura Rosillo, com quem havia feito amizade em outro estabelecimento noturno. Os advogados de Zack tentaram bloquear a execução alegando que ele sofria de síndrome alcoólica fetal e tinha deficiência intelectual. Seus recursos, no entanto, foram rejeitados por tribunais de primeira instância e, finalmente, pela Corte Suprema. O grupo Floridenses por Alternativas à Pena de Morte publicou a declaração final de Zack: “Há 27 anos, eu era alcoólatra e viciado. Fiz coisas que causaram danos a muita gente, não só às vítimas e aos seus familiares e amigos, mas também à minha própria família e aos meus amigos. Desde então, levanto-me a cada dia cheio de arrependimentos”. Somente neste ano, houve seis execuções na Flórida e 19 em todo o país.

*Com informações da AFP.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Vulcão Popocatépetl em erupção causa transtornos no México; veja

A atividade vulcânica na região central do México tem causado transtornos nos últimos dias para os 25 milhões de habitantes que vivem a menos de 100 quilômetros do vulcão Popocatépetl. O vulcão entrou em erupção na terça-feira (27/02), expelindo uma enorme nuvem de fumaça e cinzas. Foram registradas 13 erupções entre terça e quarta-feira, o

Multidão faz fila em frente à igreja russa para se despedir de Navalny

Milhares de russos se reuniram nesta sexta-feira, 1º, em frente à igreja em Moscou, na Rússia, onde será realizada a despedida do líder opositor Alexei Navalny, que morreu há duas semanas em uma prisão no Ártico. Segundo porta-voz de Navalny, familiares foram até o necrotério para recolher o corpo do político, mas não conseguiram até

Multidão aguarda corpo de Navalny para funeral em meio a atrasos; veja

Após uma série de obstáculos e atrasos, as cerimónias fúnebres do opositor russo Alexei Navalny, morto em 16 de fevereiro na prisão, finalmente estão em andamento nesta sexta-feira (1º) em Moscou. Dezenas de pessoas se reúnem do lado de fora da igreja da Mãe de Deus, no distrito de Maryino, aguardando a chegada do corpo