Ministro da Agricultura teme alta dos combustíveis com guerra na Faixa de Gaza

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos


design sem nome 1 9

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil, Carlos Fávaro, afirmou que a guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas na Faixa de Gaza pode elevar o preço dos combustíveis tanto no Brasil quanto no mundo. De acordo com ele, a alta nos combustíveis pode impactar o campo e prejudicar a produção de alimentos. No entanto, Fávaro ressalta que “isso é menos relevante quando se fala de vidas”. “Em termos econômico, não podemos falar o que é oportunidades, o que afeta ou não a guerra. O preço dos combustíveis pode subir um pouco com este conflito. Isso impacta no campo, na produção de alimentos, mas isso é menos relevante quando se fala de vidas. Acredito que o Brasil terá um papel fundamental para buscar a pacificação e termos instabilidade no mundo”, frisou durante entrevista após participação em evento na Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo). O ministro também mostrou preocupação com o agronegócio. Fávaro comentou que o cuidado inicial do Brasil passa pelas questões humanitárias que envolvem desde os ataques de 7 de outubro. Mas, no campo de vista econômico, Israel se transformou um parceiro importante na questão de fertilizantes após o ataque da Rússia em relação à Ucrânia. “O Brasil já superou a crise de fornecimento de cloreto de potássio na guerra da Ucrânia com estratégia e dedicação. Temos alternativas de compras com o Canadá e com a China. Neste momento, os produtores para a safra de verão estão com as suas compras realizadas. Então temos um período de três a quatro meses para a safra de inverno”, completou o ministro.

*Com informações do repórter Marcelo Mattos.

 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Polícia Federal investiga invasão hacker e desvio de dinheiro no sistema de pagamentos da União

A Polícia Federal está investigando uma possível invasão ao sistema de pagamentos da União, onde criminosos teriam desviado dinheiro de contas públicas. Ainda não foi divulgado o valor total retirado das contas, mas as autoridades acreditam que os hackers utilizaram cadastros autorizados para realizar os pagamentos fraudulentos. O episódio ocorreu em abril. A PF suspeita

INSS inicia pagamento da primeira parcela do 13º salário para aposentados e pensionistas

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) iniciou o pagamento da primeira parcela do 13º salário para aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílios, a partir desta quarta-feira (24). Ao todo, 33,6 milhões de segurados estão aptos a receber essa renda extra. A gratificação natalina é disponibilizada juntamente com o benefício mensal e recebem primeiro os

Governo federal lança programa para estimular o crédito para baixa renda e renegociar dívidas de MEIs

O governo federal anunciou nesta segunda-feira (22) o lançamento do Programa Acredita, que tem como objetivo reestruturar o mercado de crédito no Brasil. Dividido em quatro eixos, o programa visa estimular a geração de renda e emprego, além de promover o crescimento econômico no país. Para isso, inclui medidas para o microcrédito destinado a famílias