Nunes turbina em R$ 4,5 bilhões investimentos para ano eleitoral

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

São Paulo – O prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB), enviou à Câmara Municipal o projeto de lei do Orçamento da cidade prevendo um valor recorde de R$ 14,9 bilhões em investimentos para 2024, ano em que tentará a reeleição.

A cifra representa um aumento de R$ 4,5 bilhões (43%) em relação aos R$ 10,4 bilhões em investimentos previstos para este ano, que já é o maior montante registrado na cidade de São Paulo.

A proposta da Secretaria Municipal da Fazenda prevê um orçamento total para o ano que vem de R$ 110,7 bilhões. O projeto enviado à Câmara estima quanto a cidade irá arrecadar ao longo do ano e fixa como esse dinheiro será gasto.

O valor proposto por Nunes para 2024 é 15% maior do que o orçamento aprovado pelos vereadores no fim do ano passado, quando a Prefeitura havia estimado uma receita total de R$ 95,8 bilhões para 2023. O incremento supera, inclusive, a inflação, estimativa em menos de 5% pelo mercado.

As estimativas da Prefeitura para este ano, contudo, já haviam se mostrado conservadoras, uma vez que os cofres municipais devem fechar 2023 com uma arrecadação de R$ 107 bilhões. Por isso, Nunes já liberou mais de R$ 10 bilhões em gastos com investimentos neste ano., como mostrou o Metrópoles.

Quem mais ganha

Só a Secretaria de Mobilidade e Trânsito ficará com R$ 2 bilhões desses recursos extras para investimento. A pasta teve R$ 841 milhões em investimentos para este ano e receberá R$ 2,8 bilhões no ano que vem, de acordo com o projeto. Sob esse setor, estão corredores de ônibus cuja construção passou o ano suspensa pelo Tribunal de Contas do Município (TCM), mas que agora estão liberados para início de obras.

Outro setor com aumento de recursos expressivo é a Habitação. Nunes tem uma meta de entregar mais de 45 mil moradias a famílias de baixa renda até o fim do ano que vem, por meio do programa Pode Entrar, que prevê que a Prefeitura compre apartamentos prontos de construtoras especializadas no mercado popular.

Para isso, o prefeito reservou R$ 3,6 bilhões para a Secretaria Municipal da Habitação em 2024, 56% a mais do que os R$ 2,3 bilhões estimados para este ano.

Auxiliares de Nunes avaliam que esta é uma área estratégica para o projeto eleitoral do prefeito, que terá como adversário o deputado federal Guilherme Boulos (PSol), coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST). Boulos iniciou sua vida política como militante pela moradia.

No caso da Educação, o salto é de R$ 538 milhões para R$ 1,2 bilhão. O prefeito pretende entregar cinco novos Centros de Educação Unificados (CEUs), que serão feitos por meio de Parceria Público-Privada (PPP).

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Nova estátua de cera de Justin Bieber divide fãs; parece mesmo?

O Museu Madame Tussauds de Nova York adicionou à sua coleção um novo exemplar de cera de Justin Bieber, atualizado para refletir sua aparência mais recente. A revelação da estátua coincidiu com as celebrações do 30º aniversário do cantor, em 1º de março. As opiniões sobre o boneco de cera foram mistas. Alguns fãs elogiaram

Vulcão La Cumbre entra novamente em erupção e coloca Equador em alerta

O vulcão La Cumbre, na ilha Fernandina, no arquipélago de Galápagos, Equador, entrou em erupção na noite de sábado (3 de março), de acordo com o Ministério do Ambiente, Águas e Transição Ecológica (MAATE) do país. Embora a ilha não seja habitada, a Direção do Parque Nacional das Galápagos colocou-a em alerta, pois a lava

Davi chama Yasmin de inútil e Luiza Brunet acusa brother de injúria

Após Davi chamar Yasmin Brunet de inútil durante a formação de paredão do BBB 24 na noite desse domingo (3/3), a mãe da sister, Luiza Brunet, se pronunciou nas redes sociais e compartilhou uma publicação insinuando que o participante teria cometido o crime de injúria contra sua filha. “Para quem não sabe, o crime de