50 Cent doará lucros de filme sobre Sean ‘Diddy’ Combs a vítimas de abuso sexual

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O rapper americano 50 Cent afirmou, nesta quinta-feira (7), que os lucros do documentário que está produzindo sobre Sean Combs, também conhecido como Diddy, serão destinados a vítimas de abuso sexual.

O rapper, que será tema do filme, é acusado de estupro por quatro mulheres. Uma delas diz que foi estuprada em 2003, quando tinha 17 anos.

“A renda desse documentário será destinada às vítimas de agressão sexual e estupro”, escreveu 50 Cent no X, antigo Twitter. A obra deve abordar as acusações de estupro que pesam contra Sean Combs, trazendo entrevistas de pessoas que corroboram as denúncias.

Combs, no entanto, nega as acusações e diz que estão tentando destruir sua reputação.

“Alegações repugnantes foram feitas contra mim por indivíduos em busca de dinheiro fácil. Quero deixar bem claro: não fiz nenhuma das coisas horríveis que estão sendo alegadas. Lutarei por meu nome, minha família e pela verdade”, afirmou ele, nas redes sociais.

A denúncias vieram à tona a partir de novembro, quando a cantora Cassie decidiu mover um processo contra o cantor alegando ter sido estuprada e espancada ao longo de uma década. Em seguida, outras mulheres afirmaram que também foram abusadas sexualmente por Combs.

Uma delas afirma ter sido estuprada em grupo quando tinha 17 anos. Jane Doe diz ter estado com o rapper em um jato particular de Michigan para Nova York, onde foi estuprada por três pessoas, incluindo Combs e Harve Pierre, presidente da Bad Boy Entertainment.

De acordo com veículos estrangeiros, o processo diz que o artista e os outros envolvidos a drogaram e embebedaram e que Combs a estuprou sobre a pia do banheiro enquanto a consciência da garota oscilava, e que ele teria depois assistido a um terceiro homem a estuprando.

O rapper, porém, negou todas as acusações. “Nas últimas semanas, sentei-me em silêncio e observei as pessoas tentarem assassinar meu caráter, destruir minha reputação e meu legado”, disse ele em um comunicado divulgado na última quarta-feira.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Polícia encontra corpo que seria de ator desaparecido da Record e prende dois pelo crime

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Polícia Civil do Rio de Janeiro encontrou o corpo que seria de Edson Caldas Barboza, 29, ator da Record que estava desaparecido desde o início do mês passado. Também prendeu dois homens que agora são investigados pela morte e fazem parte de uma associação criminosa especializada na prática de

Vídeo: Davi atende ao falso Big Fone e faz mistério sobre a mensagem

O primeiro trote do Big Fone foi realizado com sucesso na manhã desta sexta-feira (1º/3) e quem atendeu foi Davi. O rapaz estava deitado na área externa da casa mais vigiada do país quando a ligação foi feita. Na hora da chamada, outros brothers estavam dormindo. Ao perceber que a ligação foi interrompida, Davi continuou

Paulo Zulu atualiza seguidores sobre seu estado de saúde após câncer

O ator e ex-modelo Paulo Zulu, de 60 anos, usou as redes sociais para tranquilizar seus fãs sobre seu estado de saúde. Em um vídeo publicado recentemente, ele agradeceu a preocupação e o carinho das pessoas que o abordam na rua, na praia e enviam mensagens para saber como ele está. Zulu, que enfrentou um