Colombiano paga R$ 850 mil para crescer 15 centímetros

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Um homem, de 29 anos, submeteu-se a uma cirurgia que custou 175 mil de dólares, cerca de 850 mil reais, para que as suas pernas ficassem com mais 15 centímetros.

De acordo com o New York Post, o colombiano quer ficar com 1,80 metros de altura.

“Não sou um anão, nem sou o mais alto”, explicou Yeferson Cossio, num vídeo compartilhado no Instagram, onde soma 11 milhões de seguidores.

“Sim, as pernas são bonitas, mas eu as odeio. Estou consciente de algumas partes do meu corpo, e tenho algum dinheiro para as mudar”, continuou, no vídeo compartilhado nas redes sociais.

View this post on Instagram

A post shared by Yef (@yefersoncossio)

A cirurgia em questão envolve quebrar ossos, inserir uma haste de metal e usar um aparelho externo para, de forma lenta, alongar a região.

“À medida que o espaço entre as extremidades do osso se abre, o corpo continua a produzir novo tecido no espaço até que o comprimento desejado do osso seja gerado”, de acordo com o Hospital for Special Surgery, citado pela imprensa norte-americana.

Segundo a publicação, normalmente o esapaçamento é de um milímetro por dia – o que significa que significa que este processo de ‘alongamento’ durou seis meses, tendo o homem atingindo a altura de 1,80 metros.

Mas este processo não acaba por aqui, já que agora se segue a fisioterapia, de forma a que o paciente se possam habituar ao novo comprimento de pernas. 

“Há dois anos, tive um problema com as minhas pernas de que não quero falar porque é muito pessoal. Mas uma das coisas que teve mais impacto em mim foi o alongamento das pernas”, explicou Cossio.

O cirurgião de Cossio assegurou-lhe que este conseguiria regressar à sua vida normal, incluindo andar, fazer exercício e pular.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Israel acusa ONU de ignorar crimes do Hamas por pedir embargo de armas

O ministro das Relações Exteriores de Israel, Israel Katz, acusou os relatores e especialistas da ONU (Organização das Nações Unidas) de “ignorar os crimes de guerra, os crimes sexuais e os crimes contra a humanidade” cometidos pelo grupo palestino Hamas. A declaração ocorre após 37 membros da entidade pedirem na última sexta-feira, 23, um embargo

Youtuber é condenada a 30 anos de prisão por abuso infantil

Ruby Franke, a norte-americana que fornecia orientação parental no Youtube, foi sentenciada a uma pena de até 60 anos de prisão por quatro crimes de abuso agravado de crianças. Ela cumprirá uma pena efetiva de até 30 anos, o tempo máximo por acumulação jurídica no estado de Utah. A acusação incluía quatro crimes de abuso

Milei participa de evento com Trump nos EUA e sinaliza apoio ao republicano

O presidente da Argentina, Javier Milei, e o ex-presidente Donald Trump compartilharam um abraço entusiasmado na Conferência de Ação Política Conservadora (CPAC) em Maryland, nos Estados Unidos. Em vídeo compartilhado por um membro da campanha do republicano, o argentino aparece gritando “presidente” e puxando Trump para um abraço antes de tirarem fotos juntos. O norte-americano