Jovem morre após cair em buraco e ficar soterrado em praia da Austrália

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – Um jovem de 23 anos morreu após cair de cabeça em um buraco de 1,50 metro de profundidade e ser soterrado pela areia em uma praia da Queensland, na Austrália.

Josh Taylor estava acampando com amigos e familiares em Bribie Island, em Brisbane, quando caiu no buraco, na manhã de sábado (2). A abertura havia sido escavada na areia para os campistas assarem um porco, segundo apurou o jornal The Independent.

Ele morreu nesta sexta-feira (8) após passar seis dias lutando pela vida em um hospital de Brisbaine.

Uma testemunha disse que Taylor se levantou da cadeira antes de perder o equilíbrio e cair no buraco. Nesse momento, “as frágeis paredes de areia desabaram sobre ele, soterrando-o”, disse a testemunha, identificada como Nathan, segundo informou o NCA Newswire.

“Percebi que alguém havia caído de cabeça em um buraco e eu estava apenas cavando, cavando, cavando”, afirmou Nathan. “Quando cheguei ao local, não conseguia nem ver o pé dele. Ele estava soterrado”, contou.

Foram necessárias cerca de 15 pessoas para libertar Taylor da areia, antes da chegada dos paramédicos e, segundo a testemunhas, quando foi resgatado, já não tinha mais pulso.

Após o primeiro atendimento feito pelos paramédicos, o jovem foi transportado com vida, de avião, para o Princess Alexandra Hospital em estado crítico, mas acabou não resistindo aos ferimentos e morreu na tarde desta sexta-feira informou a polícia de Queensland em um comunicado nas redes sociais.

As autoridades continuam investigando as circunstâncias do incidente.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Gravidez de arraia sem contato com macho surpreende em aquário dos EUA; entenda

Uma arraia que está grávida no Aquarium & Shark Lab Team ECCO na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, está gerando discussões na comunidade científica com relação à paternidade dos quatro filhotes. Isso porque a nova mãe não tem contato com machos da mesma espécie há oito anos. Charlotte, como é chamada pelos funcionários do

Cuba pede ajuda à ONU por escassez de leite a menores de 7 anos no país

O governo de Cuba solicitou ajuda ao Programa Mundial de Alimentos (PMA), um dos braços da ONU, pela primeira vez. O país tem enfrentado dificuldades para continuar entregando leite a crianças menores de sete anos. Um comunicado oficial de governo cubano foi enviado ao PMA, que já está agilizando o envio de leite em pó

Juiz que ordenou multa de milhões a Trump recebe envelope com pó branco

Um envelope que continha um pó branco e que estava enderençado ao juiz que considerou Donald Trump culpado num caso de fraude gerou momentos de pânico num tribunal em Nova York, nos Estados Unidos. De acordo uma fonte próxima da situação, citada pelas publicações internacionais, o envelope nunca chegou ao juiz e questão, Arthur Engoron.