Naiara Azevedo quebra silêncio após denunciar violência doméstica

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Após uma semana da queixa apresentada por Naiara Azevedo às autoridades, numa denúncia de violência doméstica contra o ex-marido, Rafael Cabral, a cantora quebrou o silêncio e falou sobre o assunto.

Naiara gravou um vídeo para as redes sociais que teve como principal objetivo “agradecer por todas as mensagens de carinho” que recebeu desde que o caso se tornou público.

“Não tenho palavras para descrever tudo o que li até agora”, disse a artista, de 34 anos, que acrescentou: “Vida que segue, porque o show tem que continuar, a vida tem que seguir. É isso, bola para a frente, vida nova”.

Por fim, Naiara disse que está com “o coração em paz e livre”. “Livre mais do que nunca para ser feliz fazendo o que eu amo e eu amo estar com vocês”, concluiu.

Ouça estas declarações na galeria.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

ParaPraia 2024 oferece banho de mar assistido até o mês de março

  O ParaPraia retorna em 2024 para promover o banho de mar assistido para deficientes físicos e pessoas com mobilidade reduzida. A iniciativa, que teve início neste fim de semana, é apoiada pela Prefeitura de Salvador, através da Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), e segue até o dia 10

Os resultados são proporcionais aos meus esforços, diz Lauana Prado sobre sucesso musical

MARIA PAULA GIACOMELLISÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - É só ligar a câmera que Lauana Prado já desata a conversar, sem muita necessidade de quebrar o gelo. A cantora de 34 anos fala ao site F5 por 25 minutos, após a sua pausa de almoço e depois de tirar duas semanas de férias. O descanso, parcialmente

Brasileiros em Londres fazem ato pró-Bolsonaro e cantam hino nacional

São Paulo – Brasileiros que estão em Londres, capital da Inglaterra, fizeram um ato em apoio ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) na tarde deste domingo (25/2), em frente ao Consulado-Geral do Brasil. Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram um grupo de pessoas segurando bandeiras e bexigas nas cores verde e amarelo.   Durante a manifestação