STJD: Gabigol é absolvido por confusão em Fla x Flu; Nino é suspenso por um jogo

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos


design sem nome 1

O atacante Gabriel Barbosa, o Gabigol, do Flamengo, foi absolvido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol (STJD), enquanto o zagueiro Nino, do Fluminense, foi punido com uma partida de suspensão. A decisão foi proferida neste terça-feira, 5, por unanimidade dos votos e cabe recurso. Ambos se desentenderam durante o clássico entre as equipes no dia 11 de novembro, válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro, que terminou empatado em 1 a 1, no Maracanã. O árbitro Wilton Pereira Sampaio relatou que expulsou Gabigol aos 50 minutos do segundo tempo, após o atacante peitar Nino e o zagueiro revidar segurando o adversário pelo pescoço. Além disso, o árbitro informou que atleta do Rubro-Negro entrou em campo após o fim do jogo para questionar a expulsão. A defesa do jogador flamenguista alegou que o jogador não agiu de forma desleal. Segundo o advogado João Marcelo, Gabigol cometeu uma falta durante o jogo e, em seguida, Nino se aproximou dele. Além disso, o advogado argumentou que não faria sentido peitar um jogador alto como o atleta do Tricolor das Laranjeiras. Portanto, a defesa pediu a absolvição do atacante. Por sua vez, o departamento jurídico do Fluminense ressaltou que o atleta é educado e respeitado pelos árbitros. O advogado Lucas Maleval afirmou que o zagueiro está no clube desde 2019 e só teve seu primeiro julgamento no STJD este ano, no qual foi apenas advertido. O relator do processo, Washington Rodrigues, afirmou que não viu a peitada no lance. Ele votou pela absolvição de Gabriel Barbosa nos dois artigos e considerou que Nino segurou o pescoço do adversário, mas dentro dos limites aceitáveis. Por isso, Rodrigues aplicou uma partida de suspensão ao zagueiro. O voto do relator foi acompanhado por outros quatro auditores. Apesar da absolvição, Gabigol não joga contra o São Paulo, nesta quarta-feira, 5, no Morumbi, pela última rodada do Brasileirão. Nesta terça-feira, o Flamengo informou que o atleta realizou um procedimento regenerativo para reparo da lesão no tendão do adutor direito e não foi relacionado para o jogo.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

STJ marca data do julgamento de Robinho

A data para o julgamento de Robinho no Brasil foi marcada para o dia 20 de março pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Ele foi sentenciado em última instância a nove anos de prisão na Itália pelo crime de estupro contra uma mulher da Albânia em uma boate em Milão, em 2013. A pedido da

Vitor Pereira rebate críticas de Fábio Santos e o chama de ‘covarde’: ‘Tem que me agradecer’

O técnico Vitor Pereira chamou o lateral-esquerdo recém-aposentado Fábio Santos de covarde ao rebater as declarações do ex-jogador sobre o período em que trabalharam juntos no Corinthians. “Andou oito meses sorrindo para mim e para minha comissão técnica, de aparente boa relação com todos. E vem agora, após esse tempo todo, dar essa entrevista covarde. Pois

Thiago Wild vence filho de argentino que eliminou Brasil na Copa de 90

O tenista brasileiro Thiago Wild estreou com maestria no Torneio de Santiago, no Chile, nesta terça-feira, 27. O tenista desqualificou o argentino Roman Andrés Burruchaga em sets corridos, com um duplo 6/4. Roman é filho do meia-atacante Jorge Burruchaga, campeão mundial em 1986 e que contribuiu para a derrota da seleção brasileira na Copa do