Cuba pede ajuda à ONU por escassez de leite a menores de 7 anos no país

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos
cuba bandeira

O governo de Cuba solicitou ajuda ao Programa Mundial de Alimentos (PMA), um dos braços da ONU, pela primeira vez. O país tem enfrentado dificuldades para continuar entregando leite a crianças menores de sete anos. Um comunicado oficial de governo cubano foi enviado ao PMA, que já está agilizando o envio de leite em pó para o país. “Confirmamos que o PMA recebeu uma comunicação oficial do governo (cubano) solicitando apoio para continuar a entrega mensal de 1 quilo de leite para crianças menores de 7 anos em todo o país”, disse em comunicado a delegação local do PMA. A ONU destaca que este impedido é de extrema importância, pois o país está tendo um impacto significativo na segurança alimentar e nutriconal da população em meio a uma profunda crise econômica.

cta_logo_jp
Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

Contudo, o governo de Cuba não havia divulgado publicamente o pedido, apesar de estar falando sobre o problema há semanas. O leite tem sido um produto escasso no país há alguns anos e o problema tem afetado, principalmente, crianças de até 7 anos de idade e pessoas com dietas especiais. O Ministério do Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro (Mincex) cubano enviou uma carta à gerência executiva do PMA em Roma no final do ano passado. Após essa carta, o PMA indicou que neste mês conseguiu entregar 144 toneladas métricas de leite em pó desnatado, beneficiando quase 48 mil crianças entre 7 meses e 3 anos de idade em Pinar del Río e Havana. Isso representa apenas 6% das crianças às quais o governo pretende entregar o leite. Diante dessas dificuldades, é possível encontrar leite líquido e em pó em Cuba em algumas das incipientes empresas do setor privado do país, mas a preços inacessíveis para a grande maioria dos cubanos.

*Com informações da AFP

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

EUA: Idosa assalta banco e leva 500 dólares (após ser vítima de golpe)

Uma mulher, de 74 anos, foi presa depois de ter assaltado um banco em Hamilton, no estado norte-americano de Ohio. De acordo com a CBS News, tudo aconteceu no 19 de abril, quando a mulher, com uma máscara de proteção e roupas neutras entrou numa agência e "exigiu dinheiro enquanto mostrava uma arma". Horas depois

Dezenas de baleias encalham em massa na Austrália

Cerca de 160 baleias-piloto encalharam em uma praia perto da cidade de Dunsborough, no sudoeste do estado da Austrália, nesta quinta-feira (25). Pelo menos 26 delas, morreram. A área é uma região popular entre os turistas, e a cerca de 236 km ao sul da capital do estado, Perth. Os funcionários do Departamento de Biodiversidade

Gripe aviária: OMS quer rede mundial e alerta para “potencial epidêmico”

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou, esta quarta-feira (25), para a importância de criar redes mundiais de detenção do vírus H5N1, que causa a gripe aviária, e que tem vindo criar alertas. Segundo a epidemiologista Maria Van Kerkhove, apesar de a rede de vigilância das aves já estar muito desenvolvida, "o que realmente precisamos