Eleições na Rússia: primeiro dia de votação é marcado por explosões e ataque com coquetel molotov

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: 2 minutos


eleicao na russia

A Rússia iniciou nesta sexta-feira, 15, as eleições presidenciais que vão dar a Vladimir Putin mais cinco anos no comando do país. A primeiro dia de votação, no entanto, foi marcado por uma série de ataques. Em São Petersburgo, uma mulher atirou um coquetel molotov em uma assembleia de voto, informou um responsável da autoridade eleitoral, no primeiro dia das eleições presidenciais na Rússia, que foram marcadas por vários incidentes. “Esses atos ilícitos foram rapidamente contidos pela polícia. Ninguém ficou ferido”, informou Maxim Meiksin, funcionário da Comissão Eleitoral, no Telegram, especificando que a suspeita é uma mulher na casa dos 20 anos. Também na localidade siberiana de Khanty-Mansiysk, uma pessoa foi detida por tentar lançar fogo a uma urna e outra foi presa na região de Chelyabinsk pela tentativa de atirar um foguete.

No sul da Urânia, em uma cidade ocupada pela Rússia, foi detonado um artefato explosivo em um recinto eleitoral. “Em Skadovsk, um dispositivo explosivo caseiro foi colocado em uma lata de lixo. Houve uma detonação. Não há vítimas ou feridos”, declarou a Comissão Eleitoral de Kherson, que reporta às autoridades de ocupação. Segundo a entidade, as forças russas informaram que a Ucrânia bombardeou locais de votação na cidade ocupada de Kakhovka, também em Kherson.

Pelo menos 13 pessoas foram presas por ações de vandalismo em locais de votação, informaram autoridades, sem detalhar a motivação dos autores. As eleições na Rússia vão ter três dias de votação. Elas vão se estender até domingo, 17. Pouco antes do fim do primeiro dia de votação, a Comissão Eleitoral Central afirmou que 35,4% dos eleitores já depositaram seus votos, seja por papel, seja de forma eletrônica, como fez Putin mais cedo.

putin no poder

A votação também ocorre nos territórios ocupados pela Rússia na Ucrânia e na Transnístria, um território separatista pró-Rússia localizado na Moldávia. Putin, de 71 anos, deve sair eleito dessas eleições e se manter por mais seis anos no comando deste país de 145 milhões de pessoas até 2030. Caso isto se confirme, ele se tornará o governante com maior mandato na Rússia desde Catarina, a Grande, que reinou por 34 anos no final do século XVIII. Uma pesquisa estatal no início da semana previu que Putin deve obter mais de 80% dos votos. Os seus adversários são três candidatos que não se opuseram à ofensiva contra a Ucrânia ou à repressão que dizimou a dissidência; um candidato um pouco mais crítico foi impugnado pela comissão eleitoral.

*Com agências internacionais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Lula lamenta morte de brasileiro sequestrado pelo Hamas

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva lamentou, por meio das redes sociais, a morte do brasileiro Michel Nisembaum, de 59 anos. O Exército israelense anunciou nesta sexta-feira (24) que recuperou os corpos de três reféns sequestrados em outubro de 2023 pelo grupo palestino Hamas, entre eles, o de Nisembaum. O presidente disse que o

Cineasta que fugiu a pé do Irã estreia filme sobre resistência no Festival de Cannes

O cineasta iraniano Mohammad Rasoulof causou comoção no Festival de Cannes nesta sexta-feira (24) com a exibição do filme “The seed of the sacred fig”, que concorre à Palma de Ouro deste ano. O longa é uma homenagem à resistência do povo iraniano e especialmente das mulheres. Foi uma das estreias de maior suspense de

Mulher queima roupas do ex-marido após descobrir relação com melhor amiga

Uma mulher de 50 anos fez uma fogueira com roupas do ex-marido, após ter descoberto que o homem mantinha uma relação extraconjugal com a sua melhor amiga - e antiga cunhada. Rhian Templeton ateou fogo a uma montanha de ternos, camisas, casacos e calças pertencentes ao seu ex-marido, que estavam na garagem da casa onde