Bolsonaro adia conversa com Elon Musk após ataque do Irã a Israel

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: 2 minutos


ftninplwuaady5s 1

A tão aguardada conversa entre o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e o bilionário Elon Musk, dono do X (antigo Twitter), foi adiada devido ao ataque do Irã a Israel neste sábado (13). Inicialmente, a entrevista estava programada para ser transmitida pela Bolsonaro TV — canal vinculado ao ex-presidente e presente nas principais redes sociais — como uma “entrevista” entre Bolsonaro e Musk. O político do PL emitiu uma nota anunciando a suspensão do evento e lembrou que estaria em Israel se o seu passaporte não tivesse sido apreendido pela Polícia Federal em decorrência da operação que investiga suposta tentativa de golpe para que Luiz Inácio Lula da Silva fosse impedido de assumir a Presidência. “Caso meu passaporte tivesse sido liberado, como programado, hoje eu estaria em Israel”, destacou Bolsonaro, em seu comunicado.

cta_logo_jp

A conversa de Bolsonaro com Elon Musk é muito aguardada pela direita brasileira, que considera o bilionário um “herói da liberdade de expressão”. O dono do X tem feito seguidas críticas aos Poderes Executivo e Judiciário do Brasil, sobretudo ao ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal) e suas ações relacionadas ao X, especialmente em relação às suspensões de contas de influenciadores de direita. O sul-africano naturalizado americano chegou a chamar o magistrado de “ditador” que “tem Lula na coleira”. Isso culminou na inclusão de Musk em inquéritos que investigam milícias digitais.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

‘Veredicto real será divulgado em 5 de novembro’, diz Trump após ser condenado em Nova York

O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, considerou sua condenação por fraude contábil como uma de ‘desgraça’ e disse que o ‘veredicto real’ será divulgado em 5 de novembro, disse o republicano, fazendo alusão ao dia das eleições, na saída do tribunal. “Foi um julgamento armado, desonrado. O veredicto real será dado em 5 de

Parlamento da Espanha aprova em definitivo lei de anistia para separatistas da Catalunha

O Congresso da Espanha aprovou, em definitivo, nesta quinta-feira (30), a lei de anistia que irá beneficiar os independentistas indiciados ​​por sua participação no processo de autodeterminação da Catalunha. A lei foi aprovada com 177 votos a favor contra 172 na Câmara Baixa, com o conservador Partido Popular e o partido de extrema direita Vox

Vulcão islandês cospe lava a 50 metros de altura em nova erupção

Um vulcão na Islândia entrou novamente em erupção, marcando a quinta vez desde dezembro. A erupção ocorreu na península de Reykjanes, onde vivem cerca de 30.000 pessoas, ao sul da capital Reykjavik. O evento começou no início da tarde desta quarta-feira, após uma série de terremotos ao norte de Grindavik, uma cidade pesqueira com 3.800