Filho de Gal Costa se une a primas para realizar desejo da cantora com fundação de incentivo à música

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Gabriel Penna Burgos Costa, de 18 anos, herdeiro de Gal Costa, se comprometeu a realizar um dos desejos da mãe deixado em testamento. Ao lado das primas da cantora, Verônica e Priscila Silva, o jovem fez um acordo extrajudicial para colocar em prática o plano de criar a Fundação Gal Costa de Incentivo à Música e Cultura.

 

De acordo com o jornal ‘Folha’, que divulgou a iniciativa, a fundação sem fins lucrativos estava prevista em um testamento deixado pela cantora em 1997 e que foi revogado em 2019. 

 

No mês passado, as primas da cantora entraram na Justiça de São Paulo para acusar a viúva da cantora, Wilma Petrillo, de tê-la coagido a invalidar o documento, divulgado pelo jornal Correio 24 horas, da Bahia, e confirmado pela Folha.

 

O projeto teria como objeto a formação de músicos e outros artistas ligados à área, promovendo festivais, concursos, concedendo bolsas de estudos de músicas para pessoas carentes dentre diversas outras finalidades de cunho exclusivamente filantrópico. 

 

LEIA TAMBÉM:

Justiça nega pedido de exumação do corpo de Gal Costa
Wilma Petrillo diz que filho de Gal Costa corre perigo
Filho de Gal Costa revela que foi último a saber que mãe tinha câncer

 

A ideia é que a fundação seja gerida por Verônica, Priscila e outras três primas da cantora. No acordo, Gabriel afirma que  criará a fundação ao fim do inventário, que decidirá os destinatários da herança de Gal. O processo pela herança segue em disputa na Justiça entre ele e Wilma Petrillo.

 

O filho de Gal ainda pontua que os recursos para a criação da fundação devem vir da parte da herança dele e que ainda não há parcerias públicas ou privadas para a fundação.

 

A defesa de Wilma Petrillo mostrou que a ex-empresária de Gal é contra a criação da fundação.

 

“Segundo informações da minha cliente, Gal sequer convivia com essas primas. Gal anulou o testamento porque quis. Ela era uma mulher forte, com opiniões próprias, sempre fez o que quis. Nunca foi uma mulher fraca para ser coagida por quem quer que seja. Uma acusação de coação é muito séria e precisa ser provada.”

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Morre o ex-prefeito de Itajuípe, Dr. Paulo Martinho

O ex-prefeito de Itajuípe, Dr. Paulo Martinho, morreu nesta quinta-feira (30). O médico liderou o município dos anos de 2001 a 2004. Até o momento, não há informações sobre a causa da morte. Os detalhes sobre as cerimônias de despedida serão divulgados em breve.   Durante seu mandato, Dr. Paulo Martinho foi reconhecido por suas

Ator de Rebel Moon é preso por esfaquear ex-namorada mais de 20 vezes

O ator Nick Pasqual foi preso na Califórnia, acusado de esfaquear a ex-namorada Allie Shehorn entre 20 e 30 vezes. Allie é maquiadora de projetos de sucesso em Hollywood, como Rebel Moon, Garotas Malvadas e Babylon. Nick Pasqual também participou de Rebel Moon e da série How I Met Your Mother, entre outros projetos. De

3ª edição do Coffee Brasília promete novas experiências com o café

“O Brasil é uma potência do café”, destaca Pavel Cardoso, Presidente da Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), na abertura da terceira edição do Coffee Brasilia, realizada na manhã dessa quarta-feira (29/5), no Espaço Casa, fixado no Casapark. Com o aroma de um cafezinho feito na hora, a feira brasilense sobre o grão começa