Kanye West acusado de ameaçar prender e raspar cabelo de alunos em escola

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

O rapper Kanye West está envolto em mais uma polêmica. Desta vez, ele é acusado de ameaçar prender e raspar a cabeça de alunos da Donda Academy, escola particular cristã fundada por ele em 2022.

As alegações foram feitas por Trevor Phillips, um ex-funcionário da Yeezy, marca de roupas de West, que também atuou em outras empresas do músico. No processo obtido pelo Page Six, Phillips afirma ter sofrido “discriminação severa, abuso e retaliação”.

Segundo Phillips, West proferia “orgulhosamente” teorias antissemitas na frente das crianças. O rapper teria dito a dois alunos que “queria raspar suas cabeças” e que “pretendia colocá-los em uma cadeia na escola”.

O ex-funcionário também relatou outros comportamentos problemáticos de Kanye, como em um jantar em dezembro de 2022. Após a Donda Academy ter sido fechada por conta das declarações antissemitas de Ye, ele teria ofendido os judeus, chamado-os de “miseráveis”, elogiado Adolf Hitler e negado a existência do Holocausto.

A comunidade LGBTQ+ também teria sido alvo de Kanye. “Sim, vou atacar os gays! Primeiro os judeus, depois os gays!”, ele teria dito, conforme o relato de Trevor.

Phillips foi demitido em maio de 2023. Ele espera receber uma indenização de US$ 35 mil (cerca de R$ 177 mil) e briga para que West seja proibido de abrir qualquer tipo de escola para menores de 18 anos na Califórnia.

Kanye West ainda não se manifestou sobre as acusações.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

A Grande Conquista 2 começa com desclassificação e desistência em três dias

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Grande Conquista 2 começou na última segunda-feira (22) e nem precisou de brigas para entregar desistências e desclassificações. Antes mesmo de o primeiro episódio ser exibido, a participante Ysani Kalapalo foi impedida de entrar na competição após receber diagnóstico positivo para Covid-19. "É com tristeza que informamos que Ysani

Arquidiocese apresenta projeto de reforma para a Catedral de Brasília

A Arquidiocese de Brasília lançou uma campanha para a restauração da Catedral de Brasília, na noite de quarta-feira (24/4). Tombada como patrimônio cultural mundial, a principal sede da Igreja Católica no Distrito Federal recebe 3 milhões de visitantes anualmente, mas está há 12 anos sem manutenção. Veja: O projeto pretende transformar o tempo em um

‘Espero um milagre’, diz Céline Dion em 1ª entrevista sobre doença rara

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Céline Dion, 56, falou com a Vogue França sobre sua doença rara. É a primeira entrevista da cantora desde que recebeu o diagnóstico de Síndrome da Pessoa Rígida (SPR). A famosa sofre de um condição neurológica rara. Os principais sintomas são espasmos musculares e rigidez do corpo. Na entrevista, Céline revelou