Salário-maternidade: entenda polêmica entre influenciadores e empresas

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Nos últimos dias, influenciadores digitais têm sido criticados nas redes sociais por divulgar empresas que oferecem assessoria para retirada do salário-maternidade.

Entre as personalidades, estão nomes como os ex-BBBs Viih Tube e Eliezer, as atrizes Cláudia Raia e Tatá Werneck, as cantoras Maiara e Maraísa, e influenciadores como Mirella, Evelyn Regly e Vivi.

O salário-maternidade é um benefício concedido gratuitamente pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para quem se afasta de suas atividades laborais por motivo de nascimento de filho, aborto não criminoso, adoção ou guarda judicial para fins de adoção.

Uma das empresas no centro do debate nas redes sociais é a Serra Ribeiro Assessoria. Com 610 mil seguidores no Instagram, o perfil se posiciona como uma “assessoria especializada em salário-maternidade”.

Divulgação por meio de influenciadores A empresa, registrada em Londrina (PR), contrata influenciadores digitais e outras celebridades para divulgar o serviço, que consiste na cobrança de uma quantia para auxiliar o beneficiário no processo de solicitação do pedido ao INSS.

Apesar de cobrar um valor ao beneficiário, o processo pode ser feito de forma totalmente gratuita pelas páginas do próprio INSS.

A cobrança de valores é alvo de crítica nas redes sociais. Usuários defendem que parte dos beneficiários do auxílio-maternidade são pessoas de baixa renda que, em muitas ocasiões, não sabem que têm direito ao serviço de forma gratuita e acabam contratando o serviço de assessorias.

“Atenção mamães e gravidinhas que me acompanham, tenho uma super dica para vocês. Vocês sabiam que podem ganhar até R$ 4 mil de auxílio-maternidade? Entre neste link que a Serra Ribeiro Assessoria vai cuidar de tudo para vocês. Eles já liberaram milhares de benefícios de uma forma prática, segura e rápida para muitas mamães e gravidinhas. Vale muito a pena”, afirma Viih Tube em um dos vídeos divulgaos no perfil da Serra Ribeira.

O que diz o INSS sobre o salário-maternidade Desde 2023, o INSS tem alertado para golpes envolvendo o benefício.

“Sites e redes sociais que oferecem facilidades e mesmo se apresentam como canais para conseguir o salário-maternidade não são canais oficiais e devem ser vistos com desconfiança, pois podem representar risco à segurança de dados dos cidadão”, informa o órgão em nota publicada em 2023.

Ainda de acordo com o comunicado, o INSS não utiliza intermediários para a concessão do benefício e nem cobra multas ou valores adiantados para que o salário-maternidade seja liberado.

“É sempre importante lembrar que não se deve fornecer dados pessoais, como CPF, nome, data de nascimento, etc. em sites de origem desconhecida”, informa o INSS.

Veja celebridades que divulgaram assessoria de salário-maternidade:

Empresa pede dados pessoais O link divulgado pelos influenciadores leva a uma página de cadastro da empresa Serra Ribeiro Assessoria, com um formulário para preenchimento. “Siga os passos do formulário e descubra se podemos te ajudar a receber o salário maternidade”, consta na página.

O formulário pede uma série de dados pessoais: nome completo, e-mail, telefone, informações sobre a vida laboral do usuário, data de nascimento da criança, nome completo da avó materna, CPF, RG, cidade, endereço e CEP.

Na última página do formulário, o usuário deve ler e concordar com os “termos do contrato”. Ao clicar no link, a página mostra um “Contrato de Prestação de Serviço”.

O documento prevê que o usuário deverá pagar à empresa, a título de remuneração dos serviços de assessoria, os valores equivalentes a 30% do benefício recebido pelo INSS.

A reportagem do Metrópoles entrou em contato com a empresa Serra Ribeiro Assessoria para pedir esclarecimentos sobre os serviços oferecidos, mas não obteve retorno até a publicação deste texto. O espaço segue aberto.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Lily Allen diz que David Harbour controla quais aplicativos ela tem no celular

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Para tentar controlar o acesso a redes sociais, Lily Allen não tem o celular mais tecnológico. A cantora britânica afirmou que usa um modelo infantil e que seu marido, o ator americano David Harbour, controla quais aplicativos ela pode ter no aparelho. "O telefone não tem capacidade de navegação nem

Violão tocado por John Lennon é vendido por R$ 14,5 milhões

O violão usado por John Lennon na gravação do álbum e do filme Help!, em 1965, foi leiloado por US$ 2.857 milhões pela Julien’s Auctions. O valor arrecadado equivale a cerca de R$ 14,5 milhões.  Com 12 cordas, o modelo Hootenanny foi fabricado na Alemanha e se tornou o instrumento mais caro da história dos

Sheila Mello volta a falar sobre rumores de affair com Denny: “Não tenho problema de falar que beijo”

A dançarina Sheila Mello voltou a se pronunciar sobre os rumores de envolvimento dela com o cantor Denny Denan, vocalista da Timbalada. A notícia, que ganhou as redes sociais no início da semana após uma publicação do jornalista Felipeh Campos, informava que a ex-É O Tchan teria iniciado o relacionamento com Denny em 2023.