Atacante Jô é preso antes de jogo por falta de pagamento de pensão

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Ex-Corinthians e Atlético-MG, o atacante Jô,que defende o Amazonas-AM, foi preso na noite desta segunda-feira (6/5), em Campinas, antes  de jogo da equipe de Manaus contra a Ponte Preta, pela Série B do Brasileirão. A informação é do portal GE.

A prisão se deu devido a falta de pagamento da pensão alimentícia. O jogador foi conduzido ao 10° Distrito Policial de campinas, próximo ao Estádio Majestoso, casa do clube paulista.

Policiais civis do estado de São Paulo esperaram a chegada do ônibus que carregava a delegação do Amazonas ao estádio para cumprir o mandato de prisão contra o atacante.

O mandato foi cumprido de maneira imediata e Jô, que estava escalado como titular do time para a partida desta noite, não desceu com o restante da delegação em direção ao estádio.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

PM apreende 5 adolescentes por tentativa de arrastão em rodovia em SP

São Paulo – A Polícia Militar (PM) apreendeu cinco adolescentes suspeitos de uma tentativa de arrastão na rodovia Lix da Cunha (SP-073), conhecida como Estrada Velha de Indaiatuba, na altura do Jardim Itaguaçu 2, em Campinas, interior de São Paulo. De acordo com a corporação, os suspeitos estavam tentando roubar os carros que estavam parados

Suspeito de integrar ‘Central de Fake News’ é alvo de operação na RMS

Um homem suspeito de integrar 'central de fake news' com atuação no Rio Grande do Norte foi preso, nesta segunda-feira (27), após mandado de busca e apreensão cumprido em sua residência, no município de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador.    A ação ocorreu como parte do desdobramento da 'Operação DesFarsa', deflagrada pelo

Inquilina é morta, na frente do filho de dois anos, por ex-namorado de dona do imóvel

Uma mulher foi morta a facadas enquanto dormia ao lado do seu filho de dois anos na cidade de Guaramirim, em Santa Catarina. O suspeito do crime é o ex-companheiro da proprietária do imóvel. Após o crime, o homem filmou a cena e foi preso preventivamente.   De acordo com o G1, a ex-companheira dele