Chuvas atingem Uruguai e mais de 1.300 pessoas deixam casas

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

O Uruguai foi atingido por fortes chuvas nesta quarta-feira (8/5). A imprensa local fala em mais de 1.300 pessoas deslocadas das moradias por causa da inundação. Também há rodovias fechadas e cerca de 3,2 mil pessoas estão sem o fornecimento de energia elétrica.

Um alerta meteorológico havia sido feito pelo sistema público de monitoramento do tempo. O aviso afirmava sobre aumento em ventos fortes que poderiam ter pico de 60 km/h a 70 km/h. O comunicado aponta que a atenção deve estar redobrada até as 23h desta quarta.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) do Brasil, já previa, desde a segunda-feira (6/5) fortes áreas de instabilidade que poderiam causar chuvas volumosas e temporais na região de fronteira com o país vizinho nesta quarta.

O Sul da América do Sul, sobretudo o Rio Grande do Sul, tem sido atingido por temporais desde o fim de abril. No Estado brasileiro, são 100 mortes confirmadas, de acordo com o último boletim da Defesa Civil do RS, divulgado na noite desta quarta (8/5). Houve também danos na infraestrutura de rodovias e das cidades.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Empresa pede apreensão em imóvel de ministro por dívida de campanha

O ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, foi alvo no mês passado de um pedido à Justiça para que o apartamento da Câmara que ele ocupa tivesse bens apreendidos para pagar uma dívida da campanha de 2014. Ainda não há decisão sobre o caso, que tramita no Tribunal de Justiça de São Paulo.

Mulher é encontrada morta após provocar e levar soco de torcedor do Bahia

O corpo de Sione Matos dos Santos, de 46 anos, foi encontrado dentro de casa, na noite desta segunda-feira (27), na localidade do Bairro da Paz, em Salvador. Informações preliminares apontam que ela teria sido agredida em um bar na noite de domingo (26), após brincar com um homem sobre a eliminação do Bahia na

Doações a ONG teriam sido usadas em campanha defendida por Dallagnol

Em conversas que integram os documentos da Operação Spoofing, obtidas por meio de um ataque hacker, Bruno Brandão, diretor da organização não governamental (ONG) Transparência Internacional (TI) Brasil, de combate à corrupção, trocou mensagens com o ex-procurador Deltan Dallagnol (foto em destaque), em 2017, sobre uma possível doação à instituição que teria parte revertida em prol