Minas tem alertas para baixas temperaturas em todo o território do Estado

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto
Todo o território de Minas Gerais está em alerta para baixas temperaturas, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia. Os avisos variam entre perigo e perigo potencial para onda de frio, declínio de temperatura e geada. A situação mais crítica é registrada no Sul do Estado, onde a temperatura mínima esperada para esta quarta-feira (18/5) varia entre 0ºC e 3ºC.
Para parte do Sul do Estado, no Triângulo Mineiro e algumas cidades da região Central, o Inmet emitiu alerta de perigo para onda de frio, quando a temperatura é registrada 5º C abaixo da média por período de 3 a 5 dias. O aviso vai até o fim da quarta-feira (18/5).
No extremo Sul do Estado, há perigo de geada, com alerta para risco de perda de plantações. O aviso vai até as 8h de quarta-feira. Em Camanducaia, cidade na região apontada, a temperatura mínima prevista é de – 1ºC.
Em larga faixa que vai desde a Zona da Mata Mineira, passando pela região Central até o Noroeste do Estado, o alerta é para declínio de temperatura maior que 5ºC e vale até as 11h da quinta-feira (19/5).
Diante da massa de ar polar que toma boa parte do país e dos alertas emitidos pelo órgão, especialistas alertam para possíveis desinformações que circulam nas redes sociais. O mapa com os alertas e as previsões de cada cidade podem ser consultados no site do Inmet e nas redes sociais do instituto.
 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Feriadão com chuvas exige atenção em dobro nas estradas

Os mineiros que pretendem sair do estado ou viajar por Minas para aproveitar o feriado prolongado de Finados vão encontrar estradas mais cheias a partir de hoje. A movimentação exige atenção redobrada, seja nos trechos historicamente perigosos (confira quadro), seja naqueles aparentemente mais tranquilos. A atenção deve ser redobrada nas retas, nos trechos com buracos

Onde a morte não é o fim da vida

  O Museu de Ciências Morfológicas (MCM) da UFMG é responsável pela extensão entre o estudo de células, embriões, tecidos e anatomia com toda a comunidade da capital. Fundado há 27 anos pela professora Maria das Graças Ribeiro, o museu é focado no ser humano, com a maioria da exposição sendo composta por materiais reais.

Chuva: Sete Lagoas registra alagamentos e pessoas desalojadas

O município de Sete Lagoas, na Região Metropolitana de BH, foi atingido por fortes chuvas no fim da tarde desta terça-feira (31/10). Há registro de moradores desalojados e alagamento em muitas avenidas. Segundo o Corpo de Bombeiros, uma pessoa chegou a ficar ilhada, porém, conseguiu sair do local sozinha.  Cerca de dez casas, localizadas no