Davi Passamani reaparece e diz que 23 detentos se converteram durante sua prisão

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Seguindo o perfil de narcisista e aproveitador, Davi Passamani não surpreendeu ao voltar a usar as redes sociais pouco tempo após ser solto por importunação sexual, usando uma tornozeleira eletrônica, e dizendo que a prisão foi uma provisão de Deus para evangelizar os detentos.

Em uma série de posts no Instagram, o ex-presidente da igreja Casa, em Goiânia, afirmou que pelo menos 23 pessoas aceitaram a Jesus enquanto ele esteve preso.

“23 almas aceitaram a ti, Jesus, como Senhor de suas almas e vidas, eu estava morrendo, mas entregava vida. Eu estava cansando, mas entregava força, eu estava gritando por dentro e entregava calma para quem me ouvia,” disse ele.

Ele continuou:

“Sim, alguém ainda e muitos deles me ouviram com tanta atenção como se estivessem ouvindo o Senhor. Isso me manteve vivo e aqui estou, sem lamentar, sem reclamar, mas com muito medo.”

Ele apenas seguiu o manual dos pastores presos. Percebeu que todos eles, quando saem da carceragem, dizem que foram levados por Deus lá para pregar para alguém?

postagens
Posts de Davi Passamani – @Reprodução

The post Davi Passamani reaparece e diz que 23 detentos se converteram durante sua prisão appeared first on Fuxico Gospel.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Prefeitura de Salvador lança projeto Bike Comunidade em quatro bairros; confira detalhes

A Prefeitura, por meio do Movimento Salvador Vai de Bike (MSVB), inaugurou quatro novas unidades do Projeto Bike Comunidade, no Cassange, Jardim Campo Verde, Coração de Maria e Nova Esperança, nesta quarta-feira (29). O evento de inauguração aconteceu na Praça Parque Sítio das Palmeiras, em Cassange, com direito a música, diversão infantil, oficinas, palestra, entre

Ex-pregadora famosa expõe agressões; “meu pedido de socorro”

A ex-pregadora Karla Mioto fez um forte desabafo recentemente em suas redes sociais, acusando o pai de sua filha de tê-la agredido. Ela postou imagens em que aparece com hematomas no rosto, especialmente na boca. Nos stories do seu perfil no Instagram, ela mostrou as feridas e disse que não tinha como mostrar mais evidências

Após 500 dias, governo Lula segue sem fechar igrejas evangélicas

Desde que Luiz Inácio Lula da Silva assumiu a presidência em 1º de janeiro de 2023, já se passaram 516 dias de seu mandato. Durante a campanha eleitoral de 2022, muitos líderes religiosos e apoiadores de Jair Bolsonaro levantaram preocupações de que o governo Lula poderia fechar igrejas evangélicas e limitar a liberdade religiosa no