Polícia prende em flagrante suspeitos que fizeram idosos de reféns no bairro de Tancredo Neves, em Salvador

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Uma quadrilha foi presa na tarde desta segunda-feira (29), pela Polícia Militar (PM), foram presos em flagrante sob suspeita de invadir e manter dois idosos reféns na 1ª Travessa Guiné, no bairro de Tancredo Neves, em Salvador.

 

Informações preliminares dão conta de que quatro homens foram presos, mas a polícia não confirma essa informação. De acordo com a nota da corporação, os pms realizavam ações de patrulhamento na região, quando surpreenderam um grupo de homens armados que, diante da presença dos militares, fugiu.

 

“Quatro indivíduos adentraram um imóvel situado na localidade conhecida como Travessa Guiné e fizeram dois moradores de reféns. Após negociação com os criminosos, os reféns foram liberados e os indivíduos presos”, dizia a nota. De acordo com a PM, com os suspeitos, foram apreendidas duas pistolas e drogas, que foram encaminhadas para a delegacia que atende à região para o registro da ocorrência.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

No DF, 911 presos não voltaram de Saidões em 5 anos; 2% do total

Entre janeiro de 2020 e maio de 2024, ocorreram 911 fugas durante as saídas temporárias da Papuda, segundo a Secretaria de Administração Penitenciária do Distrito Federal (Seape-DF). A cada “saídão“, deixaram as celas entre 1.141 e 2.157 presos. A taxa de fugitivos variou de 0,61% até 2,47% do total de beneficiados. No mesmo período, reeducandos

Morador de rua tentou matar agente da PF após discussão sobre comida

O homem em situação de rua que atirou pedras contra um agente aposentado da Polícia Federal iniciou as agressões após policial se negar a comprar um prato de comida para ele. O caso ocorreu na tarde deste sábado (25/5), na Quadra 303 do Sudoeste, área nobre do Distrito Federal. De acordo com o relato da

Mãe negociou virgindade da filha e obrigava ela a fazer programas

A Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) de Manaus (AM) deflagrou a Operação Resgate, na quinta-feira (23/5), e prendeu em flagrante três pessoas envolvidas em estupro de vulnerável, exploração sexual e favorecimento à prostituição contra uma adolescente de 13 anos. A ação policial foi deflagrada em um motel situado no bairro Gilberto