TAGS

Sem ACM Neto e Colbert, José Ronaldo lança pré-candidatura à prefeito de Feira de Santana

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: 2 minutos

O ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho, lançou na tarde desta terça-feira (16), no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), sua pré-candidatura a prefeito, com o objetivo de retornar ao comando do município, que é o segundo maior colégio eleitoral da Bahia.

 

Com capacidade para apenas 250 pessoas, o auditório da CDL se tornou pequeno para a grande quantidade de apoiadores que já aguardavam o início do evento. Sem a presença do atual prefeito, Colbert Martins, e do ex-prefeito de Salvador, ACM Neto, José Ronaldo foi surpreendido com a presença do ex-governador da Bahia, Paulo Souto. As informações são do site Acorda Cidade, parceiro do Bahia Notícias. 

 

“Eu andei pela cidade, bairros e zona rural desde dezembro de 2022, andando praticamente todos os dias, domingo a domingo ouvindo o povo, escutando o povo e ouvi muitas palavras de incentivo, ouvi muitas palavras de apoio, muitas palavras de carinho e me senti estimulado com tudo isso que eu ouvi para que eu possa tentar esta eleição. Todas as pessoas que convivem comigo sabem perfeitamente que eu gosto de gente, que o que me faz ser político é gostar de gente, é viver ao lado do povo, é isso que eu gosto, é isso que eu amo, eu amo esta cidade, eu sou grato a esta cidade. Esta cidade me fez, esta cidade me transformou, esta cidade me educou, então foi nesta cidade que eu conheci minha esposa, foi aqui que meus filhos nasceram, meus netos aqui nasceram, então eu tenho deveres com esta cidade, eu tenho obrigações com esta cidade, então isto me faz ter essa coragem, essa força e esta determinação dentro de mim para disputar uma nova eleição”, declarou José Ronaldo, em coletiva de imprensa após o evento. 

 

Questionado sobre o apoio do atual prefeito Colbert Martins, José Ronaldo relembrou que ambos já foram adversários em eleições passadas. “Eu quero deixar bem claro que eu sempre respeitei o prefeito Colbert Martins desde quando éramos adversários, houve momentos na vida que nós fomos adversários políticos, eu já fui candidato a prefeito e ele já foi candidato a prefeito, nos enfrentamos nas urnas, mas nos enfrentamos com respeito, nunca houve uma palavra de agressão entre nós, sempre houve muito respeito e este respeito continua existindo”, disse. 

 

Sobre a ausência de ACM Neto, ele justificou que a mesma se deu por conta de compromissos previamente agendados pelo ex-prefeito da capital baiana. “Não foi feito um convite assim específico a ninguém, e a gente sabe que em plena terça-feira é um dia muito difícil para deputados federais que estão em Brasília participando de sessões lá em Brasília, e ACM Neto é dirigente de um partido e vai toda semana para Brasília, acredito que tenha sido por isso que aqui ele não está”, afirmou. 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Após acusação de aliado, prefeito de Camaçari nega cobrança de propina a empresa de água sanitária

Após o vazamento de um áudio em que o prefeito de Mata de São João, Bira da Barraca (União), afirma que a prefeitura de Camaçari supostamente teria cobrado propina para a instalação da fábrica da empresa de água sanitária Dragão no município, o prefeito de Camaçari, Elinaldo Araújo, se manifestou sobre as acusações do correligionário. 

Inquilina é morta, na frente do filho de dois anos, por ex-namorado de dona do imóvel

Uma mulher foi morta a facadas enquanto dormia ao lado do seu filho de dois anos na cidade de Guaramirim, em Santa Catarina. O suspeito do crime é o ex-companheiro da proprietária do imóvel. Após o crime, o homem filmou a cena e foi preso preventivamente.   De acordo com o G1, a ex-companheira dele

Presidente do Sindicato dos Rodoviários afirma que “não haverá greve em Feira de Santana”

O presidente do Sindicato dos Rodoviários em Feira de Santana, Alberto Nery, afirmou que os acordos previstos dos rodoviários do município e garantiu não haver possibilidade de aderir à greve junto aos trabalhadores da capital baiana.   Em entrevista ao Acorda Cidade, parceiro do Bahia Notícias, o representante da categoria reforçou que assim como os