Veja momento em que câmeras espiãs são encontradas em casa de deputada

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Um vídeo mostra o momento em que as câmeras instaladas no apartamento alugado pela deputada federal Dayany Bittencourt (União Brasil-CE) são encontradas. O caso foi descoberto em 28 de agosto, mas só nesta quarta-feira (17/4) a informação veio a público por causa do segredo de justiça imposto ao inquérito.

As imagens mostram a retirada de dispositivos anti-incêndio no teto, e, debaixo deles, aparecem as câmeras. Também são removidos sensores de fumaça e luminárias embutidas onde também havia câmeras. São usadas uma faca e uma chave de fenda para a remoção dos equipamentos.

Pelas imagens, é possível observar que as câmeras estavam na sala, cozinha e em um banheiro. Além das câmeras, embutido no teto havia um modem que estaria transmitindo as imagens. Nesse momento da filmagem, uma das pessoas que acompanha a desmontagem dos equipamentos afirma que o caso deve ser notificado à Polícia Federal (PF) por se tratar da residência de uma deputada federal.

Em nota divulgada nesta quarta-feira (17/4), a deputada manifestou indignação. “Uma invasão à minha privacidade, à privacidade do meu esposo, algo que nunca pensamos viver, o que transformou um espaço de segurança e conforto em um cenário de constante vigilância e medo”, disse Dayany.

O Metrópoles entrou em contato com a Polícia Civil do DF sobre o caso, mas não obteve retorno. O espaço segue aberto.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Mãe e irmão de Djidja Cardoso são presos em Manaus

Cleusimar Cardoso e Ademar Cardoso, mãe e irmão da ex-sinhazinha do Boi Garantido, Djidja Cardoso, que faleceu nesta semana, tiveram a prisão preventiva decretada pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) e foram detidos nesta quinta-feira (30/5), em Manaus. Além dos familiares, três funcionários do salão de beleza Belle Femme, que Djidja era sócia, também

Em Guanambi, homem com mandado de prisão em aberto é preso

Um homem acusado de receptação foi preso, nesta terça-feira (28), em Guanambi, pelo 17º Batalhão de Polícia Militar. O suspeito possuía um mandado de prisão em aberto. As informações são do site Achei Sudoeste, parceiro do Bahia Notícias.   A Polícia Militar recebeu informações de que um homem teria comprado objetos oriundos de um furto

Stalker: juiz prorroga medidas protetivas contra delegado da PCDF

O Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Águas Claras prorrogou, por mais três meses, as medidas protetivas fixadas contra o ex-delegado-geral da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) Robson Cândido. A decisão é da última terça-feira (28/5). Robson Cândido é acusado de usar a estrutura da PCDF, quando era chefe da