Ceni eleva valor a receber e Cruzeiro atualmente deve mais de R$ 3 milhões ao treinador

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Em processo movido em segredo de Justiça, o atual treinador do Bahia e ex-técnico do Cruzeiro, Rogério Ceni, conseguiu elevar o valor que tem a receber do clube mineiro para mais de R$ 3 milhões. A informação foi publicada inicialmente pelo site ge.globo.

A decisão aconteceu há umas semanas atrás, e foi aceita pela 1ª Vara, que está cuidando do processo de recuperação judicial do Cruzeiro. Anteriormente, o técnico cobrava do clube celeste R$ 685.255,66 em dívidas trabalhistas e mais R$ 300.605,58 em direitos de imagem.

 

Durante sua passagem pelo Cruzeiro, em 2019, Ceni comandou o clube em oito jogos apenas. Ele foi treinador do time mineiro durante dois meses apenas. Em 2020, Rogério chegou a afirmar que não havia recebido “nenhum centavo dos dias trabalhados no Cruzeiro” e em 2021, eke acionou o clube na Justiça do Trabalho.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Advogado e influenciador digital Samer Agi confirma presença na II Conferência da Jovem Advocacia Baiana

Com o tema "Oratória Criativa", o advogado Samer Agi será um dos palestrantes da II Conferência Estadual da Jovem Advocacia Baiana. Ele estará no evento no dia 6 de junho, às 18h, no Centro de Convenções de Salvador.   A busca por liberdade, tempo e possibilidade de crescimento fizeram com que Agi deixasse o cargo

Reencontro entre Sport e Fortaleza terá mais de mil policiais

No domingo (26/5), duas partidas vão definir quem são os classificados para a decisão da Copa do Nordeste. E uma das partidas será entre Sport e Fortaleza. Esse será o segundo jogo entre as duas equipes na competição, o primeiro após o ataque da torcida da equipe pernambucana contra o ônibus onde estavam os jogadores

Polícia prende homem que estuprou mulher após oferecer carona; caso ocorreu no Oeste baiano

Um homem foi preso em Santa Maria da Vitória, no Oeste baiano, acusado de estuprar uma mulher após ter oferecido carona. Nesta quinta-feira (23), uma equipe da delegacia cumpriu o mandado de prisão preventiva contra o acusado.   Segundo a Polícia Civil, o crime ocorreu no dia 5 de maio passado. As investigações apontaram que