Vereadores saem em defesa de promotora acusada de “ameaçar” edis em Itapetinga

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: 3 minutos

 

Após o caso da promotora de Justiça Solange Anatólio do Espírito Santo vir a público nas redes sociais, a Câmara Municipal de Itapetinga emite nota em defesa da jurista. Na ocasião, a promotora foi acusada de “ameaçar” impugnar a candidatura à reeleição de vereadores que não participaram de um curso promovido por ela na cidade. 

 

Nas imagens do evento, Solange afirma: “Vamos parabenizar aqueles guerreiros que vieram nos prestigiar no dia de hoje, porque eles estão aqui nos honrando. Palmas para eles. Agradeço a todos vocês por estarem aqui e 11 faltosos, me aguardem nas impugnações de registro de candidatura”, afirma a promotora em frente aos participantes do curso. 

 

LEIA MAIS

Promotora viraliza “ameaçando” impugnar candidaturas de vereadores que não participaram de evento dela em Itapetinga

 

Em nota emitida nesta segunda-feira (06), assinada por todos os vereadores, o órgão aponta que a promotora “vem sendo acusada de ameaçar vereadores a partir da veiculação equivocada e criminosa de um vídeo editado e publicado fora do seu verdadeiro contexto”. 

 

Os edis ressaltaram ainda o trabalho social feito por Solange no município, e afirmam que a frase foi dita em tom de brincadeira. “O evento ocorrido em março deste ano contou com vários momentos de conscientização, reflexão e também de descontração. Em um desses momentos de descontração, a promotora, em tom de brincadeira, mandou uma mensagem para os vereadores que faltaram à ação. A frase dita pela promotora vem sendo reproduzida de forma maldosa e distorcida para expor a profissional”, escreveram em nota. 

 

Confira a nota na íntegra:

 

“A Câmara Municipal de Itapetinga-BA, por meio de todos os vereadores, manifesta publicamente apoio à promotora Solange Anatólio do Espírito Santo, que vem sendo acusada de ameaçar vereadores a partir da veiculação equivocada e criminosa de um vídeo editado e publicado fora do seu verdadeiro contexto.

 

Assim, a Câmara de Vereadores registra o seu repúdio ao vídeo que circula nas redes sociais e em diversos blogs, fora de contexto, com o único objetivo de atacar a promotora e tentar inibir sua destacada atuação à frente da promotoria eleitoral de Itapetinga.

 

É nítido que a fala da promotora, proferida em um evento em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, vem sendo distorcida, na tentativa de desmoraliza-la publicamente, tentando atrelar um momento de descontração e de brincadeira a uma falsa ameaça a vereadores.

 

Vale pontuar que o Ministério Público da Bahia realiza, anualmente, no mês de março, em parceria com a Câmara de Vereadores e a Prefeitura Municipal de Itapetinga, a ação intitulada “Tudo por Elas”, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. Na oportunidade são oferecidos vários serviços relacionados à assistência social, cadastramento e recadastramento do programa Bolsa Família, serviços de saúde e orientação jurídica oferecidos pelo Ministério Público, Defensoria Pública e Delegacia da Mulher.

 

O evento ocorrido em março deste ano contou com vários momentos de conscientização, reflexão e também de descontração. Em um desses momentos de descontração, a promotora, em tom de brincadeira, mandou uma mensagem para os vereadores que faltaram à ação. A frase dita pela promotora vem sendo reproduzida de forma maldosa e distorcida para expor a profissional.

 

É de conhecimento de todos os Edis desta Casa Legislativa a seriedade e imparcialidade na atuação da Promotora de Justiça Drª Solange Anatólio do Espírito Santo na comarca de Itapetinga/BA, de forma que os vereadores, por meio deste, declaram que, em momento algum, se sentiram ameaçados pelas falas da Promotora, compreendendo que seu discurso foi unicamente em tom jocoso.

 

A Câmara Municipal de Itapetinga lamenta a utilização de imagens do evento para efetuar ataques à promotora eleitoral. Nesse sentido, nos solidarizamos com a promotora Solange Anatólio do Espírito Santo pelas falsas alegações que vem sendo a ela imputadas e reconhecemos que ela tem trabalhado incessantemente junto à comunidade local com a finalidade de propiciar justiça social.

 

Lembramos que esta Casa Legislativa já demonstrou sua admiração pelo trabalho desenvolvido pela promotora, bem como pela sua brilhante história de vida por meio da entrega de honrarias como a Moção de Aplauso e o Título de Cidadã Itapetinguense.

 

Certos de que contaremos com o apoio da sociedade itapetinguense e, em especial, da Imprensa para desfazer esse equívoco, pedimos a todos que não compartilhem informações falsas, descontextualizadas ou distorcidas. Esse tipo de veiculação enganosa só gera desinformação e traz sérios prejuízos à imagem e reputação das pessoas ofendidas.”

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

No DF, 911 presos não voltaram de Saidões em 5 anos; 2% do total

Entre janeiro de 2020 e maio de 2024, ocorreram 911 fugas durante as saídas temporárias da Papuda, segundo a Secretaria de Administração Penitenciária do Distrito Federal (Seape-DF). A cada “saídão“, deixaram as celas entre 1.141 e 2.157 presos. A taxa de fugitivos variou de 0,61% até 2,47% do total de beneficiados. No mesmo período, reeducandos

Morador de rua tentou matar agente da PF após discussão sobre comida

O homem em situação de rua que atirou pedras contra um agente aposentado da Polícia Federal iniciou as agressões após policial se negar a comprar um prato de comida para ele. O caso ocorreu na tarde deste sábado (25/5), na Quadra 303 do Sudoeste, área nobre do Distrito Federal. De acordo com o relato da

Mãe negociou virgindade da filha e obrigava ela a fazer programas

A Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) de Manaus (AM) deflagrou a Operação Resgate, na quinta-feira (23/5), e prendeu em flagrante três pessoas envolvidas em estupro de vulnerável, exploração sexual e favorecimento à prostituição contra uma adolescente de 13 anos. A ação policial foi deflagrada em um motel situado no bairro Gilberto