Deltan Dallagnol: processo do TCU contra ex-procurador é suspenso

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto
A Justiça Federal do Paraná suspendeu, nesta sexta-feira (3/6), o processo contra o ex-procurador da Lava-Jato, Deltan Dallagnol, no Tribunal de Contas da União (TCU). 
Para o juiz Augusto César Pansini, existem razoáveis indícios de que é ilegal a tomada de contas especial instaurada pelo TCU.

LEIA TAMB�?M: Moro sobre candidatura de Dallagnol: ‘Deputado mais votado do Paraná’
O texto diz ainda que Deltan não teria se envolvido na concepção da Lava-Jato.
 
Para ele, Deltan não ordenou despesas e não �??arquitetou o modelo de pagamento das diárias e passagens dos colegas�?�.
 
�??A concepção do modelo de funcionamento de uma força-tarefa, sobretudo a forma como as despesas serão pagas, foge das atribuições de um procurador da República de primeira instância�?�.
�??Além do mais, coordenar uma força-tarefa consiste em uma atividade de caráter informal, não constituindo uma atividade administrativa, típica de um gestor de despesas públicas�?�, prosseguiu o magistrado.

LEIA TAMB�?M: 

Após condenação para indenizar Lula, Dallagnol desabafa: ‘Indignado’

O juiz também escreveu que �??não são, aparentemente, verdadeiras as especulações feitas pelo Ministro Bruno Dantas [do TCU]�?�. Dantas é relator do caso.
Um relatório da área técnica do TCU já havia apontado que não houve irregularidade nos pagamentos questionados. 

Entenda o caso

O TCU chegou a determinar que Dallagnol devolvesse R$ 2,8 milhões. De acordo com as investigações, ele teria usado dinheiro público para pagar passagens e diárias, inclusive estadias no mesmo Estado em que o ex-procurador vive.

O site “Poder360” revelou, em fevereiro de 2021, que foram gastos R$ 7,5 milhões em diárias e passagens ao logo dos 7 anos que a Lava-Jato durou.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Marido de vereadora é baleado durante briga política em Pernambuco

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O marido de uma vereadora de Paulista (PE) foi baleado na perna durante uma discussão com a equipe de outra parlamentar da mesma cidade, nesta quarta-feira (24). A vítima foi identificada como Rafael Almeida da Silva, 27. Ele é casado com a vereadora Irmã Cassiane (PCdoB). O caso ocorreu na

8% dos eleitores de Bolsonaro e 7% dos de Lula acreditam que Terra é plana, aponta Datafolha

A Terra é plana para 8% dos eleitores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), contra 7% dos eleitores do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), segundo relatório do instituto Datafolha. A pesquisa, realizada entres os dias 8 a 11 de abril deste ano, perguntou aos brasileiros sobre o formato do planeta Terra. No resultado, foi

Google passará a vetar anúncio político em buscas e YouTube após regra eleitoral do TSE

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Google anunciou que atualizará suas políticas para deixar de permitir a veiculação de anúncios políticos no Brasil via Google Ads, o que inclui YouTube, resultados na busca e demais tipos de publicidades contratadas pela ferramenta da empresa. Em nota, a empresa diz que essa atualização "acontecerá em maio tendo