Com ajuda do Google Maps, britânico encontra avião da Malaysia Airlines desaparecido desde 2014

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto


aviao da malasya airlines desaparecido

Um britânico especialista em tecnologia, identificado como Ian Wilson, afirma ter encontrado o avião da Malasya Airlines, que desapareceu em 2014 com 239 pessoas a bordo, quando realizava um voo de Kuala Lumpur, na Malásia, para Pequim, na China. Segundo ele, os destroços estão espalhados nas profundezas de uma selva no Camboja. A declaração foi dada em entrevista ao jornal britânico ‘The Mirror’. Wilson diz ter achado os destroços do airlines no Google Maps. “Medindo a imagem do Google (datada de 2018), você vê cerca de 69 metros (do que seria a aeronave), mas parece haver uma lacuna entre a cauda e a parte traseira do avião. Isso deixa apenas um pouco maior, mas essa lacuna provavelmente explicaria isso”, explicou o pesquisador ao jornal. O avião da Malasya Airlines – MH370 – decolou em 8 de março de 2014 e tinha 227 passageiros e 12 tripulantes. Ele perdeu desapareceu após perder contato durante uma transferência entre controladores de tráfego aéreo da Malásia e do Vietnã, com o transporder desligado. Questionada sobre a declaração de Wilson, a Bureau of Aircraft Investigations Archives, disse ao jornal que não descarta que as imagens do Google Maps sejam do avião desaparecido.

 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Netanyahu diz que Lula ‘cruzou linha vermelha’ ao comparar ações em Gaza a Holocausto

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O primeiro-ministro de Israel, Binyamin Netanyahu, afirmou neste domingo (18) que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) "cruzou a linha vermelha" ao comparar as ações do país na Faixa de Gaza ao extermínio conduzido por Adolf Hitler, no qual 6 milhões de judeus foram mortos de forma sistemática

Trump vence primárias republicanas na Carolina do Sul, estado natal de Haley

O ex-presidente Donald Trump conquistou a vitória nas primárias presidenciais republicanas da Carolina do Sul, nos Estados Unidos, derrotando a opositora de partido Nikki Haley em seu estado natal. Com mais de 85% dos votos tabulados, Trump venceu por 59,9% a 39,4%. As vitórias anteriores do ex-mandatário em Iowa, New Hampshire e Nevada já o colocavam como

Homem mata o pai, o irmão e mais 10 familiares no Irã

Um homem matou, no sábado, 12 familiares na província de Kerman, no Irã, devido a disputas familiares.  Entre as vítimas estão o pai e o irmão do atirador, de 30 anos, segundo revelou o chefe do departamento de justiça de Kerman, Ebrahim Hamidi. De acordo com a Associated Press, o homem usou uma arma Kalashnikov