Mais de 1000 reeducandos se formam em projeto de capacitação do DF

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Mais de mil reeducandos se formaram no Projeto de Capacitação Profissional e Implantação de Oficinas Permanentes (Procap). A solenidade ocorreu nesta sexta-feira (26/4) na Fábrica Social e contou com a presença de autoridades dos poderes Judiciário, Executivo e Legislativo local.

Com o projeto, os custodiados têm acesso a cursos para o desenvolvimento profissional ofertados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). A iniciativa conta com um convênio da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape) no valor de R$ 2.827.037,90 com a Secretaria Nacional de Políticas Penais (Senappen), do Ministério da Justiça.

Pelo Senai, é possível realizar os cursos de construtor de alvenaria, serralheiro, mecânico de manutenção de freios; suspensão e direção de veículos leves e funileiro automotivo. Já o Senac oferece cursos de costureiro, modelista, pizzaiolo, oratória e abertura e legalização de empresas para Microempreendedor Individual (MEI).

O Procap teve início em 2023 e já qualificou 1.093 reeducandos no sistema penitenciário do DF. A Seape utiliza da mão de obra dos reeducandos dentro do sistema prisional, para reforçar o que aprenderam, como os alunos do curso de costura produzirem roupas infantis para projetos filantrópicos”.

O Secretário de Administração Penitenciária, Wenderson Teles, comemorou a conquista. “O objetivo é aumentar a empregabilidade dos reeducandos para que eles possam retornar à sociedade capacitados para trabalhar de forma autônoma e formalizada por meio do empreendedorismo. A previsão deste projeto é funcionar de forma permanente e beneficiar todos os regimes prisionais, desde o regime provisório ao semiaberto.”

A Juíza Titular da Vara de Execuções Penais do DF, Leila Cury, também prestigiou a solenidade e ressaltou a importância do projeto.

Os custodiados também recebem o benefício da remição. A cada 12 horas de estudo, um dia é subtraído da pena.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

STF decide que União deve definir destino de valores obtidos com condenações e delações

Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que é de responsabilidade da União definir o destino de recursos obtidos com delações premiadas ou condenações criminais em casos em que a lei não prevê uma finalidade específica para esses valores.    O entendimento firmado pela Corte veda que o direcionamento dessas quantias seja fixado pelo

Policiais influencers são presos após compartilhamento nas redes sociais: “Violação de preceitos éticos”

Os policiais militares e influenciadores Alexandre Lázaro "Tchaca" e Ivan Leite cumprirão 15 dias de detenção no Batalhão de Polícia de Choque/ BPChq, em Lauro de Freitas.    De acordo com a Polícia Militar, a prisão dos agentes se deu após conclusão do processo de apuração de conduta disciplinar, por violação dos preceitos éticos e disciplinares

Ex-faxineira de Paula Lavigne e Caetano depõe e acusa ex-governanta

O inquérito sobre o desaparecimento de dólares na casa da produtora Paula Lavigne, casada com Caetano Veloso, ganhou novos contornos nesta segunda-feira (27/5), com o depoimento de uma ex-funcionária do casal, Andressa Carvalho Marques da Silva, que falou como testemunha e fez acusações contra a ex-governanta Edna Paula da Fonseca Santos. O caso veio a