Missão Hubble celebra 34 anos com nova fotografia de galáxia

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Em 24 de abril de 1990, o Telescópio Espacial Hubble foi lançado, dando início a uma missão que já dura 34 anos.

Para celebrar o aniversário de hoje, os pesquisadores responsáveis pelo Hubble decidiram divulgar uma nova imagem da galáxia conhecida como Messier 76, situada a aproximadamente 3.400 anos-luz de distância da Terra.

Os cientistas acreditam que a peculiar forma dessa galáxia seja resultado da morte de uma estrela, um processo que afetou uma estrela companheira e resultou na estrutura singular de poeira e gás.

Além disso, a imagem destaca o papel crucial do Hubble na comunidade científica e sua contribuição para ampliar nosso conhecimento sobre as galáxias ao nosso redor. Atualmente acompanhado pelo Telescópio Espacial James Webb, é provável que o Hubble continue a proporcionar imagens semelhantes pelo menos até o final desta década.

Notícias ao Minuto

© NASA  

Leia Também: Vídeo da NASA mostra os 72 voos do helicóptero Ingenuity em Marte

 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Macron apela por uma Europa forte e soberana, visando ‘defesa e segurança’ diante da ameaça russa

O presidente francês, Emmanuel Macron, fez um apelo na Alemanha, nesta segunda-feira (27), para que se tenha uma Europa mais forte e soberana como garantia da paz, prosperidade e democracia, em um momento que o velho continente atravessa “um momento sem precedentes na sua história” e, diante da ameaça russa, deve pensar na sua própria

Comer pedras e usar cola na pizza: IA do Google dá respostas absurdas em seu buscador

Desde que o Google lançou no dia 14 seu AI Overview, usuários de redes sociais têm postado respostas absurdas dada pela ferramenta. O AI Overview era uma esperança da empresa de remodelar sua ferramenta de buscas: ele é uma inteligência artificial (IA) generativa que condensa informações rápidas coletadas da internet antes dos resultados tradicionais. A

Netanyahu diz que ataque de Israel que matou 45 pessoas em campo de refugiados foi um ‘acidente trágico’

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou nesta segunda-feira (27) que o bombardeio em um campo de refugiados em Rafah, no sul de Gaza, foi um “acidente trágico”. O ataque, realizado no contexto da ofensiva de Israel contra o Hamas, resultou na morte de pelo menos 45 pessoas, segundo autoridades de Gaza. Netanyahu explicou ao Parlamento