Executiva do PSOL aprova federação com Rede Sustentabilidade

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

A Executiva Nacional do PSOL aprovou nesta quarta-feira, 20, a formação de federação com a Rede Sustentabilidade. A decisão deve ser ratificada pelo diretório nacional do partido em uma reunião virtual no dia 18 de abril. A Rede já havia aprovado a união, por unanimidade, em 12 de março. Sendo assim, os partidos vão atuar como sigla única nas eleições de outubro e pelos próximos quatro anos. �??A Rede tem sido um partido aliado na luta contra Bolsonaro na Câmara dos Deputados. Junto com o PSOL, faz o combate à ofensiva reacionária contra os direitos sociais, o meio ambiente e a soberania nacional�?�, diz trecho da resolução aprovada nesta manhã. �??As votações de ambos os partidos nos momentos decisivos mostram uma identidade política que permite apostar na formação de uma federação partidária.�?�

A federação é uma estratégia para que partidos pequenos atinjam a cláusula de barreira, dispositivo que restringe ou impede a atuação parlamentar de siglas que não alcançam um determinado percentual de votos. �??Em resumo, a federação entre PSOL e Rede será uma ferramenta para ocupar mais espaços parlamentares e combater a ameaça da extrema-direita, que permanecerá presente depois das eleições em 2023, mesmo que Bolsonaro seja derrotado�?�, afirma o PSOL.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

8% dos eleitores de Bolsonaro e 7% dos de Lula acreditam que Terra é plana, aponta Datafolha

A Terra é plana para 8% dos eleitores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), contra 7% dos eleitores do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), segundo relatório do instituto Datafolha. A pesquisa, realizada entres os dias 8 a 11 de abril deste ano, perguntou aos brasileiros sobre o formato do planeta Terra. No resultado, foi

Google passará a vetar anúncio político em buscas e YouTube após regra eleitoral do TSE

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Google anunciou que atualizará suas políticas para deixar de permitir a veiculação de anúncios políticos no Brasil via Google Ads, o que inclui YouTube, resultados na busca e demais tipos de publicidades contratadas pela ferramenta da empresa. Em nota, a empresa diz que essa atualização "acontecerá em maio tendo

Boulos tem 35,6%; Nunes, 33,7%; Tabata, 14,7%; e Kim, 9,4% em São Paulo, diz pesquisa Atlas

O deputado federal Guilherme Boulos (PSOL) tem 35,6% das intenções de voto para a Prefeitura de São Paulo, contra 33,7% do atual prefeito, Ricardo Nunes (MDB), aponta a pesquisa Atlas/CNN Brasil divulgada nesta quarta-feira, 24. Ambos estão tecnicamente empatados dentro da margem de erro de 2,5 pontos porcentuais (p.p.). A terceira colocada é a deputada