OAB pede que Detran para não exigir reconhecimento de firma em procurações da advocacia

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Bahia (OAB-BA) pediu ao diretor de Veículos do Departamento Estadual de Trânsito do Estado da Bahia (Detran-BA), Lucas Machado, que torne pública, por meio de portaria, a não exigência do reconhecimento de firma nas procurações outorgadas à advocacia junto ao órgão.

 

O pedido surge como resultado de uma reunião entre os presidentes da Comissão de Trânsito da Seccional, Danilo Oliveira Costa, e da Comissão de Direitos Prerrogativas da OAB-BA, Victor Gurgel, com a direção de Habilitação do Detran, no mês passado. No encontro, os representantes da seccional pediram ao Detran para adotarem o pedido de procuração simples para a advocacia, sem a necessidade do reconhecimento de firma. O Detran se comprometeu a adotar a medida.

 

“O artigo 5º da Lei Nacional nº. 8.906/94 diz que o  advogado, afirmando urgência, pode atuar sem procuração, apresentando-a no prazo de quinze dias, prorrogável por igual período. Por isso, nosso pedido vai no sentido de restabelecer o que está escrito na lei. Temos certeza que o Detran será sensível ao pleito”, disse Danilo.

 

No mesmo sentido, Victor Gurgel disse que “o pedido reflete um direito legal que garantirá as prerrogativas da advocacia no âmbito administrativo do Detran e dará mais agilidade ao atendimento direcionado ao cidadão baiano”.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Tudo o que precisa de fazer para garantir a saúde e bem-estar do seu gato

Os animais de estimação trazem alegria a qualquer casa, no entanto, não são meros acessórios e é preciso tratar muito bem deles. Os gatos são, normalmente, mais independentes do que os cães, mas isso não significa que devem receber menos carinhos e cuidados.Por isso,...

Em último dia de campanha, ACM Neto prega voto útil

O candidato a governador ACM Neto (União Brasil) destacou na noite deste sábado (1º) a sua confiança de vitória no primeiro turno e pregou o voto útil para derrotar o grupo que governa o estado há 16 anos. A declaração ocorreu após seu...