Cidade de Zema terá fábrica de aviões com investimento de R$ 658 milhões

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos
Araxá oficializou, nesta sexta-feira (3/6), o despacho do governo do Estado de Minas Gerais para a implantação da fábrica de aviões Desaer na cidade. O investimento de R$ 658 milhões será responsável pela geração de cerca de mil empregos diretos e indiretos no município do Alto Paranaíba.
 
A cerimônia para a assinatura do documento foi realizada com a presença do governador Romeu Zema (Novo), que cumpre agenda em Araxá para participação na ExpoQueijo 2022, e demais autoridades. A fábrica será instalada em uma área de 277.800 m² anexa ao Aeroporto Municipal. A empresa irá atender aos mercados comercial, cargueiro e de defesa.
�??No Brasil temos Embraer, a Helibras no Sul de Minas, e agora vamos ter a Desaer em Araxá. �? uma indústria que causa um impacto muito maior que outras indústrias que não fazem uso de alta tecnologia. Isso acaba atraindo outros investimentos como fornecedores de peças e serviços para atender a empresa�?�, destacou Romeu Zema durante entrevista coletiva.

Prazos e mão de obra

De acordo com o CEO da Desaer, Evandro Fileno, a expectativa é de que entre um ano e um ano e meio a fábrica já esteja em funcionamento, com prazo máximo para conclusão em até 24 meses.
 
�??Para instalação da empresa em Araxá, houve uma disputa entre sete estados, e Minas Gerais foi o vencedor. O estado tinha oferecido algumas cidades, e Araxá foi escolhida por ter um ótimo aeroporto e infraestrutura acadêmica. A ideia é trazer um escritório de engenharia para já estar trabalhando e concluindo a fábrica, além de trabalharmos forte na qualificação da mão de obra, para criarmos um pensamento aeronáutico na cidade�?�, ressaltou.
 
Evandro ainda revelou que já foram assinados contratos com clientes para venda de aeronaves que serão fabricadas em Araxá. A primeira aeronave construída será um avião bimotor com capacidade para 19 passageiros, que poderá ser convertida em transporte aeromédico, de tropas ou paraquedistas, patrulha e vigilância.
 
�??A vinda de uma grande fábrica cria a expectativa não só de giro da economia, como também de geração de empregos e ampliação de cursos da área de tecnologia voltados para a qualificação de mão de obra para atender a fábrica de aviões�?�, reiterou o prefeito de Araxá, Robson Magela (Cidadania).
 
 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Google passará a vetar anúncio político em buscas e YouTube após regra eleitoral do TSE

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Google anunciou que atualizará suas políticas para deixar de permitir a veiculação de anúncios políticos no Brasil via Google Ads, o que inclui YouTube, resultados na busca e demais tipos de publicidades contratadas pela ferramenta da empresa. Em nota, a empresa diz que essa atualização "acontecerá em maio tendo

Boulos tem 35,6%; Nunes, 33,7%; Tabata, 14,7%; e Kim, 9,4% em São Paulo, diz pesquisa Atlas

O deputado federal Guilherme Boulos (PSOL) tem 35,6% das intenções de voto para a Prefeitura de São Paulo, contra 33,7% do atual prefeito, Ricardo Nunes (MDB), aponta a pesquisa Atlas/CNN Brasil divulgada nesta quarta-feira, 24. Ambos estão tecnicamente empatados dentro da margem de erro de 2,5 pontos porcentuais (p.p.). A terceira colocada é a deputada

Moraes arquiva ação de suposto asilo de Bolsonaro na Embaixada da Hungria

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes concluiu que não há evidências que comprovem que Jair Bolsonaro (PL) buscou asilo na Embaixada da Hungria, em Brasília, em fevereiro deste ano. Como revelou o The New York Times, o ex-presidente passou dois dias na missão diplomática em Brasília