‘EM Entrevista’ recebe Cleitinho Azevedo, pré-candidato ao Senado

Publicado em

Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

O deputado estadual Cleitinho Azevedo (PSC) será sabatinado por jornalistas do Estado de Minas nesta quarta-feira (3/8). Ele participará do podcast de Política “EM Entrevista”. Azevedo é o segundo convidado, de uma série de sabatinas, na disputa pela cadeira no Senado a responder os questionamentos dos jornalistas. A conversa será transmitida ao vivo no YouTube do Portal Uai.

A sabatina compõe uma série de entrevistas do EM com postulantes ao Senado.

Oficialmente, o deputado estadual ainda é pré-candidato ao Senado. Isso porque a conferência do PSC para homologá-lo está agendada para sexta-feira. Ele foi o candidato escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) e irá compor a chapa do ex-capitão em Minas Gerais.

 

Ontem, o presidente Jair Bolsonaro (PL) acertou apoio a Cleitinho na disputa pelo Senado. Para isso, a pré-candidatura do deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PL) foi retirada. A ideia é que o deputado esteja na chapa que, liderada pelo senador liberal Carlos Viana, vai disputar o governo.

Cleitinho divulgou nas redes sociais um vídeo no último domingo (31/07) no qual desabafa e reafirma que é candidato ao Senado por Minas Gerais nas eleições de outubro de 2022. Ele criticou pesquisas eleitorais e a imprensa que afirmavam que ele seria “boicotado” na disputa. Em um momento do vídeo, ele ressalta que só não seria “candidato a senador se eu morrer, e eu não vou morrer”, grita Cleitinho.

Na sexta-feira passada (29), uma pesquisa do Instituto F5 Atualiza Dados, divulgada com exclusividade pelo EM, apontou que Cleitinho tem 12,7% das intenções de voto, ante 9,2% de Alexandre Silveira (PSD). O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob os números MG-09704/2022 e BR-05714-2022

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Padilha diz que governo trabalha para liberar parte dos R$ 5,6 bi em emendas vetados por Lula

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Responsável pela articulação política do governo, o ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT), afirmou nesta segunda-feira (22) que trabalha em uma proposta para liberar parte dos R$ 5,6 bilhões em emendas de comissão vetados pelo presidente Lula (PT). "Estamos construindo uma proposta de poder ajustar, até a sessão

Lula diz que é preciso criar um telefone para as pessoas reclamarem do governo

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse nesta segunda-feira, 22, que o governo precisa criar um telefone para que as pessoas possam "se queixar se as coisas não estão acontecendo". A declaração ocorreu no lançamento do programa Acredita, um pacote de medidas que prevê crédito e renegociação de dívidas para os pequenos negócios

É muito importante que Congresso aprove lei das fake news e lei que regula IA, diz Lewandowski

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, defendeu a aprovação do projeto de lei das fake news, que regula a atuação das plataformas digitais no País, e o da regulamentação da Inteligência Artificial. "A mim me parece muito importante que Congresso aprove lei das fake news e a lei que regula Inteligência Artificial