TAGS

Sandibras, ‘A voz do trovão’, conta a origem como announcer de MMA

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos
O podcast ‘Pod ou não pode?’, apresentado pelo jornalista Ricardo Carlini, recebeu nesta quarta-feira (23/11) Sandribas de Campos, o announcer oficial do Jungle Fight, maior evento de MMA da América Latina, e do Federação Fight. 
Também participou da conversa o jornalista de lutas Rafael Lavô, que comanda o Território Tupiniquim, um dos maiores portais especializados em MMA do Brasil.
Sandribas,  ‘A voz do trovão’, já é reconhecido como o maior announcer de lutas do Brasil, sendo comparado ao lendário Bruce Buffer, a voz do UFC, maior evento de MMA do mundo, desde 1996.

Durante o podcast do Portal Uai, Sandribas falou sobre o início da carreira como announcer em eventos de luta locais, como o Federação Fight, até sua chegada ao Jungle Fight.

O announcer tem a difícil tarefa de não só anunciar os atletas que participam do evento, como também despertar a emoção da plateia e dos próprios lutadores através da narração. 
“Eu preciso mexer com esse cara, trazer ele pra luta. Já aconteceu de eu anunciar o cara e ele nem se mexer, parece que ele nem tava ali e, no momento da luta, ele foi finalizado no primeiro round. Naquilo ali eu falei ‘será que eu tive parcela nisso, será que eu não consegui trazer esse cara?'”, descreveu Sandibas, emocionado.
A dificil função não isenta gafes, às vezes cômicas. Como o caso do locutor que anunciou uma lutadora PCD como ‘a primeira atleta paranormal’, que foi lembrado no podcast.
O episódio do “Pod ou não pode?” finalizou analisando o atual cenário do MMA mundial. Para Sandribas, o maior lutador da atualidade é o russo Islam Makhachev, que derrotou o brasileiro Charles do Bronx em outubro e se tornou o campeão dos pesos leves do UFC. 
Ele também elogiou Alexsandro ‘Poatan’ Pereira, ex-campeão mundial de kickboxing que recentemente conquistou o cinturão dos pesos-médios do UFC ao nocautear o ex-campeão Israel Adesanya. Sandribas ainda acrescentou que, para ele, Poatan é o melhor lutador brasileiro em atividade ao lado do Charles do Bronx.
O announcer ainda “profetizou” que, se Poatan manter o ritmo na carreira, conseguirá superar o recorde de defesas de cinturão do lendário Anderson Silva, único lutador do UFC que defendeu o título dos médios dez vezes seguidas.
As atletas brasileiras de MMA também chamam a atenção de Sandribas. A paraense Amanda Lemos pode estar próxima de uma luta pelo cinturão na categoria peso-palha do UFC, enquanto nomes como Natália Silva e Amanda Ribas sobem nos rankings oficiais do evento.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Famílias acolhidas por conta da chuva em Salvador começam a receber Auxílios Moradia e Emergência

A Prefeitura de Salvador iniciou o pagamento dos benefícios de Auxílio Moradia para 81 famílias que passaram pelo acolhimento provisório nas escolas municipais para pessoas preventivamente desalojadas de áreas de risco devido ao acionamento de sirenes da Defesa Civil. Quatro delas também receberam o Auxílio Emergência. Segundo a Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza

Daniel Cady relembra desconforto de Ivete Sangalo com corpo após gravidez: “Ela se queixava”

O nutricionista Daniel Cady relembrou um período íntimo de Ivete Sangalo de desconforto com o próprio corpo após a gravidez de Marina e Helena.           Ver essa foto no Instagram                       Uma publicação compartilhada por Lucas Chagas (@drlucaschagas)   Em entrevista

Adelmário Coelho conta história de composição que ganhou, mas só estourou na voz de Flávio José

O cantor de forró, Adelmário Coelho, contou a história de uma composição que ele ganhou, mas que só foi estourar na voz do também forrozeiro Flávio José.    Durante sua participação no podcast Bargunça, o artista contou que ganhou uma música de um compositor de Caruaru. "Um grande compositor me deu uma música. Eu achei