Com conta digital, Apple avança na oferta de serviços financeiros a consumidores

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

(FOLHAPRESS) – Apple avança na oferta de serviços financeiros a consumidores, dona do Sonic compra estúdio criador de “Angry Birds” por R$ 3,8 bilhões e outros destaques do mercado nesta terça-feira (18).

OS PLANOS DA ‘APPLE FINTECH’

A Apple deu mais um passo nesta segunda (17) na iniciativa de ser uma espécie de fintech para seus consumidores ao lançar nos EUA uma conta-poupança.
Operada pelo Goldman Sachs, ela terá rendimento de 4,15% ao ano.

ENTENDA

A conta é oferecida aos usuários do cartão de crédito da Apple. O cashback gerado nas compras com o cartão poderá ser depositado nessa conta digital.

O saldo máximo é de US$ 250 mil, e os depósitos ficarão com o Goldman, que, como banco licenciado, tem acesso ao seguro do FDIC (fundo garantidor semelhante ao nosso FGC).

EM NÚMEROS

A taxa de retorno oferecida pela Apple está acima das contas de poupança e até de concorrentes como a American Express e o próprio Goldman.

Mas há no mercado taxas maiores, que vão até 4,75% ao ano, de acordo com dados do Bankrate.

O QUE EXPLICA

A iniciativa é mais uma da Apple na oferta de serviços financeiros aos clientes.

Além do cartão de crédito, que também é uma parceria com o Goldman, a empresa da maçã passou a oferecer em março nos EUA a opção de parcelamento das compras -conhecida pelo jargão de buy now, pay later (compre agora, pague depois), um modelo parecido com o crediário.

As compras podem ser divididas em até quatro parcelas ao longo de seis semanas, e a Apple assume o custo dos juros.

CONTEXTO

A companhia quer ser a marca preferida de seus consumidores não apenas nos dispositivos, mas também em serviços, principalmente nas áreas de saúde e finanças.

Ao contrário de outras big techs, como Meta e Amazon, a Apple opta por não fazer grandes aquisições e desenvolver seus produtos em casa, o que evita uma batalha regulatória com as autoridades.

O avanço da companhia sobre serviços, além de ser uma forma de diversificar o faturamento, contribui para a fidelização dos consumidores à marca e para o aumento da receita por cliente, algo que é olhado de perto por investidores.

 

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

MasterChef vai criar edição voltada aos confeiteiros

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O reality show culinário MasterChef, transmitido pela Band, vai ganhar uma versão voltada aos profissionais da confeitaria. Há 10 anos no ar, o programa já teve edições para amadores, cozinheiros profissionais, crianças e idosos. Helena Rizzo, Henrique Fogaça e Erick Jacquin continuam no júri, e Ana Paula Padrão no comando.

Elisa Lucinda e Marjorie Estiano repercutem condenação de Daniel Alves por estupro

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A condenação de Daniel Alves por estupro na Espanha, nesta quinta-feira (22), repercutiu entre famosas. O jogador de 40 anos foi sentenciado a quatro anos e meio de prisão pela relação não consentida com uma jovem de 23 anos em uma boate em Barcelona, em 2022. Elisa Lucinda, que esteve

Fátima Bernardes fica sem projeto na Globo e pode passar 2024 na geladeira

(FOLHAPRESS) - Um dos rostos mais conhecidos da Globo pode ficar sem um programa próprio pela primeira vez em muito tempo. A jornalista Fátima Bernardes ainda não tem projetos previstos para a programação a curto prazo. O Assim Como a Gente, sua atração que estreou no GNT no fim do ano passado e que entrevistava