Governadores discutem renegociação de dívidas com presidente do Senado

Publicado em

spot_img
Tempo estimado de leitura: < 1 minuto

Governadores de cinco estados se reuniram, nesta segunda-feira (15), com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, para discutir o refinanciamento das dívidas estaduais.

Estiveram presentes na residência oficial do Senado os governadores de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e Goiás.

Para o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, é preciso uma renegociação justa com a União.

“Os estados estão engessados devido a essas correções das dívidas que chegam a níveis estratosféricos, não restando nada para que os governos invistam em poder atender as necessidades de crescimento. O que nós estamos pedindo são indexadores justos e uma renegociação para que haja também uma flexibilização no teto de investimentos para que não sejamos engessados na maneira como estão vivendo hoje a maioria dos estados”, disse o governador.

Caiado destacou que a proposta é que as dívidas sejam corrigidas pela inflação medida pelo IPCA mais 1%.

Outro pedido dos estados é que ativos dos governos possam ser usados para abatimento de dívidas, como a federalização de estatais estaduais, por exemplo.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, vem mediando as demandas dos estados com as propostas do governo federal.

No final de março, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, apresentou uma proposta de redução das dívidas dos estados vinculadas a contrapartidas de ampliação do ensino técnico estadual.

Segundo o Ministério da Fazendo, as dívidas dos estados chegam hoje a R$ 740 bilhões, sendo que quase 90% desse valor são de débitos de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Minas Gerais.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

CBF e clubes da Série A ajustam calendário do Brasileirão após desastre climático

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e os clubes da Série A se reuniram nesta segunda-feira (27) para discutir o ajuste do calendário do Brasileirão. A decisão foi utilizar os períodos de Data Fifa para reorganizar as partidas adiadas devido ao desastre climático no Rio Grande do Sul. Além disso, ficou definido que o campeonato

Lula é convidado por Cármen Lúcia e Nunes Marques para cerimônia de posse no TSE

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi convidado para a cerimônia de posse dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia e Nunes Marques como presidente e vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), respectivamente, na próxima semana. O convite foi entregue nesta segunda-feira, 27, no Palácio do Planalto. O evento será realizado na

Daniel Alves muda-se de cidade na Espanha após condenação por estupro

O ex-jogador Daniel Alves decide mudar-se para uma ilha na Espanha, deixando Barcelona. Ele optou por pagar uma fiança de um milhão de euros para aguardar em liberdade a decisão final do processo em que foi condenado por estupro. De acordo com a imprensa local, Alves busca se afastar dos holofotes e da mídia, escolhendo