Nova lei define multa de até R$ 20 mil para quem assediar mulheres em Salvador

Publicado em

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

�? difícil encontrar uma mulher em Salvador que não tenha sido vítima ou que não conheça alguém que tenha sido vítima de assédio. Os abusadores podem e devem responder pelo crime judicialmente, mas, agora, uma lei municipal vai punir também o bolso dos infratores. Regulamentada na segunda-feira (8), a Lei nº 9.582/2021, conhecida como Lei do Assédio, vai aplicar multa de R$ 2 mil a R$ 20 mil em quem importunar mulheres.

O artigo 1º estabelece sanções para indivíduos que cometam assédio contra as mulheres ou que as exponham publicamente ao constrangimento. A lei se aplica aos casos de assédio de cunho sexual ou que atente contra a dignidade da mulher, através de constrangimento, intimidação, ofensas, ameaças, comportamentos, palavras ou gestos que violem o direito à livre circulação, à honra e à dignidade da mulher no âmbito da incidência ou não da Lei Maria da Penha.

As infrações de menor potencial serão punidas com multa de R$ 2 mil a R$ 2,5 mil. As infrações médias terão multa de R$ 5 mil, e os casos graves custarão R$ 20 mil aos abusadores. A denúncia deve ser realizada através do 156 e uma comissão vai investigar a veracidade do ocorrido. Os casos comprovados serão encaminhados também para os órgãos de segurança e para o Ministério Público.  

A novidade foi anunciada junto com outras medidas para o Agosto Lilás, mês de enfretamento a violência contra a mulher, nesta terça-feira (9), em evento no Teatro Gregório de Mattos. Depois de discar o 156, a vítima deve escolher a opção 9 do menu, que trata da violência contra a mulher, e clicar em 4 para fazer a denúncia.

A titular da Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), Fernanda Lordêlo, explicou que a ferramenta não substitui o trabalho da polícia e da justiça, e que o objetivo é oferecer para a vítima mais um canal de ajuda.

�??�? uma lei de 2021 que faltava regulamentação, que é o modus operandi dessa lei, como ela vai funcionar. Ela foi regulamentada ontem [segunda-feira], estamos lançando hoje e já está em vigor. Todas as pessoas que quiserem fazer a denúncia podem utilizar a nossa ouvidoria através do 156. Além disso, lançamos um Programa Institucional de Combate à Violência, um programa interno voltado para as servidoras do município�?�, afirmou.

Durante todo o mês de agosto haverá ações para capacitar e conscientizar, homens e mulheres, sobre a violência de gênero (confira programação abaixo). A atendente de call center Rafaela Nunes, 24 anos, comemorou a legislação.

�??Quem anda de transporte público todos os dias vê é coisa. Os homens perderam a noção, muitos tentam assediar a mulher sem o menor pudor. Eu já passei pela situação de ser assediada por um cara que estava com um crachá de empresa, ou seja, ele podia ser facilmente identificado e mesmo assim se sentiu à vontade para me constranger�?�, contou.  

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), em 2021, a Bahia registrou 84.640 ocorrências de violência contra mulheres. Os casos mais recorrentes foram ameaça (45.298), lesão corporal dolosa (20.475) e injúria (13.457).

Confira o cronograma do Agosto Lilás:

  • Dia 10/8 (quarta-feira): Aula de Defesa Pessoal para as atendidas do CAMSID.
  • Dias 10 a 12/8 (quarta a sexta-feira): Capacitação do Alerta Salvador para funcionárias da Limpurb, na BR-324.
  • Dia 11/8 (quinta-feira): Cram em Movimento na Feira Socioassistencial, em Alto de Coutos.
  • Dia 13/8 (sábado): Cram em Movimento na Feira Socioassistencial do Mané Dendê, no Subúrbio.
  • Dias 15 e 16/8 (segunda e terça-feira): Aula de Defesa Pessoal para as atendidas do Cram Loreta Valadares, nos Barris.
  • Dia 17/8 (quarta-feira): Aula de Defesa Pessoal para as atendidas do Centro de Referência Arlette Magalhães, em Fazenda Grande II.
  • Dia 22 (segunda-feira): Capacitação do Alerta Salvador na Guarda Civil Municipal, na Avenida San Martin.
  • Dias 22 a 27/8 (segunda a sexta-feira): Aula de Defesa Pessoal para Mulheres na praça do Shopping Center Lapa.

Que você achou desse assunto?

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

- Publicidade -

ASSUNTOS RELACIONADOS

Tarcísio é o preferido para presidência, diz pesquisa feita no ato pró-Bolsonaro

61% dos manifestantes entrevistados durante o ato que ocorreu no domingo, 25, na Avenida Paulista, em defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), acreditam que o nome do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), é o melhor para concorrer à Presidência em 2026, caso Bolsonaro permaneça inelegível. O dado foi obtido pelo Monitor do

Rui Costa minimiza ato de Bolsonaro e diz que ex-presidente confessou crimes cometidos

O ministro da Casa Civil, Rui Costa, avaliou que o ato do ex-presidente Jair Bolsonaro na Avenida Paulista no domingo, 25, ficou aquém do que foi divulgado pelos organizadores. Em sua avaliação, contudo, a surpresa foi em relação ao conteúdo das falas do ex-chefe do Executivo, o que o ministro analisa como uma confissão de

Entenda o que é a anistia pedida por Bolsonaro e seu significado histórico

"O que eu busco é uma pacificação. É passar uma borracha no passado." Com essa introdução, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), investigado por suposta tentativa de golpe de Estado pela Polícia Federal (PF), pediu anistia "para aqueles pobres coitados presos em Brasília", em seu discurso na tarde deste domingo, 25, no ato na Avenida Paulista.